a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Protocolo do Sistema de ...

Quinta-feira , Ago 11 2022
54

Calendário da Elite Cup ...

Quinta-feira , Ago 11 2022
80

WSE Continental Cup será ...

Quarta-feira , Ago 10 2022
64

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62219

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
31085

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25229

José Trindade a caminho ...

Sábado , Dez 12 2015
3451

“Scudetto” terá 14 ...

Quarta-feira , Jul 01 2020
943

2.ª Div. – Zona Norte – ...

Segunda-feira , Dez 01 2014
2406

Curso Unhas de Gel Profissional 25h ed

2.ªDivZonaNorte

Realizou-se neste fim de semana a 22.ª Jornada do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão – Zona Norte e não houve mexidas nos primeiros lugares, com os melhores classificados a vencerem as suas partidas, conforme avançado. A grande surpresa veio de Gulpilhares, com a ACR Gulpilhares a empatar a 5 bolas frente à Juv. Pacense.
O CI Sagres recebeu e venceu o Famalicense AC por 4-2, num encontro equilibrado, mas no qual a equipa de Paulo Castanheira soube dar a volta a uma entrada em falso, chegando a estar a perder por 0-2. Ainda assim, os golos de Tomás Castanheira (2), Renato Castanheira e Nélson Almeida foram suficientes para garantir mais três pontos, que permitem ao CIS seguir na perseguição ao 1.º lugar ocupado pelo HA Cambra, que voltou a vencer. Em Vale de Cambra, o HAC recebeu a visita do Riba d’Ave, mas conseguiu vencer de forma tranquila por 9-3. Esta vitória é muito importante para a equipa de Vale de Cambra, que consegue assim manter-se na liderança com 46 pontos.
A AA Espinho, também na luta pelos lugares cimeiros, conseguiu receber e vencer o HC Mealhada por 7-2, numa vitória por números sólidos, que permitem à AAE seguir na 3.ª posição, com 41 pontos, a 5 do 1.º lugar.
Quem também não facilitou foi o Valença HC, que recebeu e venceu a Escola Livre por 4-2. Como habitualmente, os valencianos apresentaram-se fortes no seu reduto, voltando a vencer mais uma partida dentro de portas. Com esta vitória, a equipa de Paulo Morais ascendeu ao 5.º lugar, beneficiando da derrota do Riba d’Ave HC e do empate da Juv. Pacense, que se deixou surpreender pela ACR Gulpilhares. Numa partida em que a Juv. Pacense tinha já construído uma boa vantagem de 1-4, os gulpilharenses não desistiram e foram aproveitando para reduzir diferenças no marcador, entrando no último minuto a perder por 3-5. Ainda assim, a ACR Gulpilhares ainda foi capaz de marcar dois golos, conseguindo arrancar um empate a 5 bolas, que permitem à ACR Gulpilhares igualar o CD Cucujães com 15 pontos com ambas as equipas nos lugares de descida e cada vez em pior condição, pois o HC Marco, logo acima da linha de água, conseguiu vencer precisamente o CDC por 5-3. Com este resultado, o HC Marco consegue afastar-se ainda mais dos lugares da despromoção, com CDC, ACR Gulpilhares e HC Mealhada a verem a sua situação cada vez mais complicada. Para ainda ajudar ao mal das três equipas agora referidas, o GDC Fânzeres conseguiu uma importante vitória fora de portas nesta ronda, tendo ido até Lavra vencer por 3-5, somando agora 23 pontos, que os deixam cada vez mais seguros na classificação, a salvo da queda para a 3.ª Divisão.

Resultados

Classificação