a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

CD Paço Arcos soma o ...

Segunda-feira , Dez 05 2022
18

Liga Placard- resumo da ...

Segunda-feira , Dez 05 2022
15

“Manita” de Pedro Mendes ...

Segunda-feira , Dez 05 2022
9

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62770

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
31566

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25614

HC Sintra apresentou-se ...

Quarta-feira , Set 20 2017
2591

2.ª Divisão: “Objetivo ...

Segunda-feira , Mai 07 2018
1805

Vitor Fortunato antevê ...

Sexta-feira , Out 17 2014
2867

6 10Massagista Inícial

benfica tigres seniores

Foi dia de festa e de despedida do seu público que se apresentou em bom numero no “Fidelidade” na partida que opôs o Benfica ao HC Tigres, com a equipa de Pedro Nunes a vencer a formação ribatejana por 11-3, relegando a equipa de Almeirim para a 2.ª divisão nacional.
Jogo onde a supremacia encarnada nunca esteve em causa e que chegou ao intervalo com a equipa da casa a vencer já por 4-1. O início da segunda parte trouxe um Tigres afoito e na busca de uma surpresa chegando ao 4-3 com dois golos de André Martins.
Mas seria sol de pouca dura, pois o Benfica voltou a acelerar e com isso a desbaratar de forma gradual a defesa ribatejana.
E aí João Rodrigues esteve imparável ao apontar 7 dos golos dos encarnados garantindo com isso o segundo lugar entre os melhores marcadores com 48 golos, atrás de Luís Viana que venceu este troféu com 64 golos apontados.
O Benfica conseguiu um feito que poucas vezes acontece, terminar a prova sem qualquer derrota, tendo apenas permitido um empate na deslocação a Barcelos ainda na primeira volta.
Para além disso e confirmando o porquê de ter conquistado este título nacional, deixou claro nos números essa supremacia ao terminar com o melhor ataque (175 GM) e a defesa menos batida (55 GS).
Quanto ao Tigres depois de ter andado praticamente toda a época acima da linha de despromoção, este desaire hoje somado ao triunfo da Sanjoanense, levou a que a formação de Pedro Nifo terminasse na 12.ª posição (com os mesmos pontos) da Sanjoanense, mas em desvantagem no confronto directo, onde por um golo acaba por ser despromovida.

Foto: David Veiga