a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Barcelos vence e mantem ...

Quinta-feira , Out 06 2022
0

Liga Placard- Resumo SL ...

Quinta-feira , Out 06 2022
1

Riba D´Ave HC soma ...

Quinta-feira , Out 06 2022
4

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62504

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
31372

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25399

Reinaldo Garcia- “Vai ...

Quinta-feira , Fev 25 2021
658

"Treino de Hóquei leva ...

Segunda-feira , Jun 26 2017
3255

“Eurockey CUP”- 2016 – ...

Sábado , Out 08 2016
2100

1 9 Cabeleireiro unissexo 3 Outubro

PortugalCampeMundi

Após o empate a uma bola no tempo regulamentar, Portugal sagrou-se Bicampeão Mundial Sub20, após vencer a Espanha por 4-3 nos penaltis, com Diogo Casanova a marcar o derradeiro penalti valeu esta histórica vitória em Vilanova - Espanha. Num jogo extremamente emotivo e disputado, seria a Espanha a ter a primeira grande oportunidade, após azul a Gonçalo Nunes, mas no respetivo livre direto, Ferrant Font não foi capaz de bater Pedro Freitas (Gr). Ainda assim, a Espanha adiantou-se no marcador, com golo de Roger Ascenci, que fez o 1-0. Até ao intervalo houve algumas ocasiões de parte a parte, num jogo muito disputado, mas o marcador não sofreria alterações. No 2.º tempo, seria Portugal a dispor do livre direto respeitante à 10.ª falta espanhola, mas Álvaro Morais não conseguiu converter. Entravamos nos últimos 5’, Portugal procurava incessantemente o golo e eis que o mesmo surgiu, por Gonçalo Nunes, que festejou efusivamente. Seguir-se-ia a 15.ª falta espanhola, mas Gonçalo Nunes também não foi capaz de bater Martin Serra (Gr) e logo de seguida seria Portugal a cometer a 10.ª falta, mas Pedro Freitas (Gr) também se opôs com grande categoria. Aproximava-se o final do tempo regulamentar e a ansiedade e nervosismo crescia nos jogadores, que iam dando tudo o que tinham, muitas vezes mais com o coração do que com a cabeça, terminando a partida com o empate a uma bola. Já no prolongamento, a emoção foi muito e a disputa imensa, mas não houve qualquer golo, com o jogo a seguir para os penaltis. Aqui, Portugal foi, com golos de Miguel Vieira e Gonçalo Nunes. Ainda assim, a Espanha tambem marcou, por Ignacio Alabart e Sergi Llorca, deixando tudo empatado para a útlima grande penalidade. Aqui, Ferrant Font falhou e Diogo Casanova tinha no stick a oportunidade de dar o Título Mundial e não vacilou fazendo o 4-3, que coroou a Seleção Nacional Sub20 como Bicampeã Mundial de Sub20. 

Foto: Marzia Cattini

ForcabeCursos