a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Portugal vence França e ...

Sábado , Set 24 2022
16

Ricardo Ares- “Éramos ...

Sábado , Set 24 2022
6

Triunfo difícil mas ...

Sábado , Set 24 2022
11

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62375

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
31267

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25368

André Zenha e Pedro ...

Sexta-feira , Set 01 2017
1513

FC Barcelona e Voltregá ...

Sábado , Set 30 2017
1479

Inter-Regiões- Porto ...

Domingo , Mar 29 2015
2069

Nail Art Nível I 19 Setembro

12124363 10203847881877949 193112088 o

AJ Salesiana – SC Tomar 2-3

O SC Tomar teve que vestir fato macaco para levar de vencida a equipa da Salesiana em jog realizado no Pavilhão da Salesiana no Estoril.
Início de partida equilibrado com as equipas a respeitarem-se. Aos poucos a formação ribatejana a começar a controlar as incidências do jogo e seria Pedro Martins a inaugurar o marcador aos 10 minutos de jogo.
A Salesiana não baixou os braços e até ao intervalo procurou o golo do empate que surgiu já nos segundos finais da primeira parte, através de um LD a castigar um CA mostrado a David Costa.
E o inicio da segunda metade não poderia começar melhor para o conjunto de Costa Duarte, o capitão Pedro Santos a colocar a equipa da linha pela primeira vez na frente do marcador, numa jogada individual, estavam então decorridos dois minutos de jogo.
O SC Tomar teve então que assumir o jogo, e foi o que fez até final. Mais posse de bola mais oportunidades, mas a equipa da Salesiana a saber defender bem, com Guilherme Pedruco em grande forma, foi adiando o golo nabantino. A ansiedade dos avançados leoninos com o passar dos minutos foi sendo cada vez mais visível, e David Costa aos 12 minutos desperdiça uma GP, sintomático do estado de espirito da formação de Nuno Domingues. Mas o mesmo jogador redimir-se-ia pouco depois ao apontar o golo do empate numa fase em que a Salesiana jogava em inferioridade numérica por exclusão de Miguel Mendes por protestos.
O SC Tomar chega novamente à vantagem a pouco menos de 10 minutos para o final da partida por Ivo Silva numa recarga a um LD a castigar a 10.ª falta da AJ Salesiana.
Até final foram do SC Tomar as melhores oportunidades, já que a Salesiana sem nada a perder, subiu as linhas, tentou ser mais assertiva na busca do golo, proporcionando contra ataques perigosos à baliza de Guilherme Pedruco, mas este esteve imperial, não concedendo até ao apito final da dupla Fernando Cabaço e Luís Silva.
Triunfo justo da formação que viajou de Tomar, perante uma Salesiana que deixou claro que o triunfo na passada jornada em Oeiras, não foi obra do acaso.
A equipa orientada por Luís Costa Duarte a deixar excelente impressão, em particular em termos defensivos e muito perigosa nas transições, obrigando a atenções redobradas na defesa leonina.

Pavilhão da AJ Salesiana

Árbitros- Fernando Cabaço e Luís Silva

AJ Salesiana: Guilherme Pedruco (GR), Miguel Mendes, Leonardo Monteiro, Luís Marques e João Oliveira (1); Pedro Lourenço, António Sequeira, Frederico Nascimento, Pedro Santos (1) e Guilherme Lopes (GR)
Treinador: Luís Costa Duarte

SC Tomar: Marco Gaspar (GR), Pedro Martins (1), João Almeida, Hernani Diniz, Ivo Silva (1); David Costa (1), Edgar Costa, João Lomba, David Vieira e Daniel Leal (GR)
Treinador- Nuno Domingues

workshops para rodapé Noticias AutoEpilação