a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Cabestany- “ Uma ...

Sábado , Abr 17 2021
64

Nuno Pinto- Estamos ...

Sábado , Abr 17 2021
96

Beatriz Figueiredo- ...

Sábado , Abr 17 2021
76

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
60161

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
28145

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
22517

Sub-20 vencem Académico ...

Terça-feira , Out 11 2016
2088

Benfica, Sporting e ...

Sábado , Out 06 2018
871

Carlos Lopez faz a ...

Quinta-feira , Abr 16 2015
1570

3 Massagista Essencial 2

gds sct

GD Sesimbra – SC Tomar 3-4

Triunfo difícil quanto justo da formação do SC Tomar por 4-3 na deslocação que efectuou a Sesimbra, que lhe garante a permanência na liderança exe quo com o BIR, após cinco jornadas concluídas nesta zona sul da 2.ª divisão nacional.
Os leões não podiam pedir melhor início, já que Hernâni Diniz inaugurou o marcador ainda no primeiro minuto da partida. A equipa ribatejana foi quase sempre superior ao Sesimbra que desceu as linhas entregando as despesas de jogo aos leões, tentando no contra ataque surpreender a defensiva leonina. Até ao intervalo várias foram as oportunidades, com mais ascendência da equipa que viajou de Tomar, mas o resultado não se alteraria.
A equipa do Sesimbra a exemplo daquilo que acontecera ao SC Tomar na primeira parte, marcou logo na bola de saída deste segundo período. Aproveitando o balanço, e alguma desconcentração da equipa leonina, a formação de Artur Pereira voltaria a marcar pouco depois, colocando-se na frente do marcador pela primeira vez na partida.
Jogo intenso, aberto e a proporcionar muitos contactos, acabaram por ser prejudicial ao SC Tomar que começou a ser penalizado com cartões azuis. Aliás a formação de Nuno Domingues jogou cerca de dois terços deste segundo período em inferioridade numérica em virtude dos vários cartões que os seus jogadores foram “brindados”, uns por excesso de zelo da dupla de arbitragem, outros por alguma “ingenuidade” e “nervos mudinhos” por parte do conjunto leonino. O SC Tomar empataria a partida, mas foi o Sesimbra a ganhar nova vantagem, num golo muito contestado pela equipa leonina.
A equipa ribatejana chegou novamente ao empate pouco depois por intermédio de Ivo Silva a desviar ao segundo poste um passe de um colega seu. Hernani Diniz no seguimento dos festejos é excluido com CA por palavras ao árbitro.
Faltavam pouco menos de quatro minutos para o final da partida, e quando a equipa leonina jogava com menos um jogador, João Lomba e o técnico Nuno Domingues vem cartão vermelho, pela entrada antes de tempo do jogador do SC Tomar. E o impensável acabou por acontecer, com o SC Tomar a chegar ao 4-3 quando jogava com apenas dois jogadores de campo, com Ivo Silva a apontar o 4-3, o terceiro golo para a sua conta pessoal, na marcação de um LD a castigar a 15.ª falta do Sesimbra. Depois, foi continuar a jogar com apenas dois jogadores de campo, e segurar com unhas e dentes este magra vantagem até final, com o capitão leonino a desperdiçar a 15 segundos do final mais um LD.
Triunfo sofrido mas justo para a formação ribatejana que mantem assim a liderança na prova a par do BIR.

Foto: TM Fotos (Arquivo)

workshops para rodapé Noticias NailArt