LluisFerrerRetratase

Lluis Ferrer, vice-presidente do CERH, tentou explicar ao Jornal "O Jogo" o contexto em que as suas afirmações foram proferidas, após a final da Liga Europeia, pedindo desculpa às equipas derrotadas. 

«Contactado pelo O Jogo, Lluis Ferrer, vice-presidente do CERH, acedeu responder ao apelo da Oliveirese. "Vejo que se gerou polémica em torno das minhas expressões e quero pedir desculpa a todas as equipas pela palavra 'honestidade'; usei-a num contexto diferente. As questões que me colocaram foram no sentido de dizer que há uma reflexão que tem que ser feita para melhorar estas situações, porque, nas final-fours as equipas que perdem queixam-se sempre da arbitragem. Retiro a palavra 'honestidade', que poderá não ser a mais adequada, mas importa atender ao contexto, em que defendia o primado da cultura desportiva", afirmou o dirigente. Fernando Graça, presidente do CERH, adiantou: "Congratulo-me com os esclarecimentos de Lluis Ferrer, cujas declarações, de resto, tinham sido proferidas a título pessoal. Nunca a honestidade de ninguém foi posta em causa pelo CERH." Recorde-se que a Oliveirense teceu duras críticas à arbitragem após a final da Liga Europeia e, em tom de protesto, recusou receber as medalhas de finalista derrotada.»

Fonte: Jornal "O Jogo" | Foto: hockeyglobal.net 

workshops para rodapé Noticias AutoEpilação