a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Esta quarta feira é dia ...

Quarta-feira , Set 28 2022
0

Liga Placard- resumo ...

Segunda-feira , Set 26 2022
33

CNF- Zona Centro- ...

Segunda-feira , Set 26 2022
17

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62431

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
31292

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25386

Segunda vitória dos ...

Segunda-feira , Jul 31 2017
1537

AP Alentejo- Sub-15- 5.ª ...

Quinta-feira , Out 29 2015
1610

TAD não dá razão ao Riba ...

Sexta-feira , Fev 23 2018
1586

Nail Art Nível I 19 Setembro

13494891 10153966921926263 6277582281500148330 n

O HA Cambra perdeu em casa frente à AA Espinho por 3-7, em jogo da 1.ª Jornada do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão e o treinador Vítor Pereira, fez uma pequena análise do jogo da sua equipa no passado fim de semana, ao Facebook do HA Cambra.
«Primeiro jogo do campeonato, muita ansiedade nos momentos que antecederam a partida, uma entrada em jogo a reflectir essa ansiedade, entramos tensos e ao fim 3 minutos a nossa estratégia para o jogo tinha de ser alterada face a 2 golos sofridos precocemente sem que o adversário tivesse feito algo para isso, o que condicionou o resto da partida.
Ajustamos e penso que fizemos a partir daí uma excelente primeira parte, não deixamos o adversário criar lances de ataque que face às dificuldades de jogar defendeu a vantagem à espera do nosso erro. Nesse período faltou-nos alguma eficácia. A disponibilidade e atitude que aplicamos trouxe-nos uma número exagerado de faltas, algumas dualidade de critérios durante o jogo na análise dos lances favoreceu a equipa que estava em vantagem e por vezes a fazer antí-jogo com simulações e prejudicou aquela que tudo fazia para reverter o resultado.
Na segunda parte mantivemos a dinâmica mas continuamos sem marcar, através de movimentações proporcionamos boas defesas ao adversário, até que chegou o momento que considerei que devíamos arriscar tudo, parecia que o jogo estava decidido até os árbitros tinham deixado de marcar faltas e nessa fase já mais como o querer e vontade que rigor tudo fizemos, marcamos, mas acabamos também por ficar expostos ao valor individual do adversário que segurou a diferença.
Considero que apesar de estarmos a defrontar uma equipa candidata, com jogadores muito experientes, conseguimos impor tacticamente algumas soluções que estamos a assimilar, com uma postura, uma atitude positiva, mostramos aquilo que queremos ser e para aquilo que estamos a trabalhar de forma séria.

Uma palavra importante aos adeptos que ao contrário do que se "dizia" marcaram presença e demonstraram que se vão juntar a nós neste novo ciclo.
Lutaremos por eles e eles torcerão por nós.

Seremos Cambra.

"Algo aqui há-de nascer,
se meu sonho semear
na vida o cultivar
o fruto com Alegria hei-de colher
E convosco a partilha do vencer."
VP2016
(Vítor Pereira)»

Foto|Fonte: Facebook HA Cambra

workshops para rodapé Noticias ExtensãodeCabelo