a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Águias estagiam em ...

Sexta-feira , Ago 19 2022
15

Paulo Pereira segue na ...

Sexta-feira , Ago 19 2022
13

Protocolo do Sistema de ...

Quinta-feira , Ago 11 2022
76

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62225

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
31095

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25236

AP Lisboa- 43º Inter ...

Quinta-feira , Mar 14 2019
1293

Dr. José Carlos Lima ...

Terça-feira , Mai 31 2016
2208

I D - Valongo sobe ao 5º ...

Terça-feira , Jan 23 2018
1302

Curso Unhas de Gel Profissional 25h ed

Cabestanydragao2016

Guillem Cabestany , treinador dos dragões gostou da exibição frente à Sanjoanense, mas lembrou que a equipa pode dar muito mais

«Após o triunfo frente à Sanjoanense (8-2) desta quarta-feira, o técnico do FC Porto Fidelidade mostrou-se satisfeito com o que considerou ser uma “boa e séria” exibição da sua equipa, num terreno habitualmente hostil e difícil. Os Dragões somaram a oitava vitória em oito jornadas na prova, mas Guillem Cabestany sabe que os seus jogadores ainda estão longe do máximo que podem dar. Exigência e trabalho são o caminho que aponta para a equipa “dar muito mais”, numa altura em que o calendário dos azuis e brancos vai entrar numa das fases teoricamente mais complicadas da época.

Guillem Cabestany
“Acho que o jogo foi bom, com intensidade, numa pista muito difícil e com um ambiente duro. Era preciso jogar assim e acho que hoje, mesmo não fanzendo o melhor jogo da época, foi um jogo muito correto da nossa parte. Os golos, agora no final, foram aparecendo no momento certo, sabendo também que poderíamos ter feito mais. Depois de um fim-de-semana em que tivemos um jogo difícil, hoje vamos mais contentes para casa.”

“A nível anímico penso que depois do Merignac a equipa se ressentiu um pouco, mas no resto da época tem estado bem. Como já disse anteriormente, temos que ser muito exigentes, pois esta equipa pode dar isto e muito mais. Podemos ainda melhorar exibições individuais e coletivas, porque há erros que cometemos no jogo e ainda estamos a trabalhar para que não aconteçam. É importante que os jogadores tenham consciência que esta equipa ainda está longe do seu máximo, portanto há que continuar a trabalhar, pois vêm aí rivais com muito potencial.”»


«Após o triunfo frente à Sanjoanense (8-2) desta quarta-feira, o técnico do FC Porto Fidelidade mostrou-se satisfeito com o que considerou ser uma “boa e séria” exibição da sua equipa, num terreno habitualmente hostil e difícil. Os Dragões somaram a oitava vitória em oito jornadas na prova, mas Guillem Cabestany sabe que os seus jogadores ainda estão longe do máximo que podem dar. Exigência e trabalho são o caminho que aponta para a equipa “dar muito mais”, numa altura em que o calendário dos azuis e brancos vai entrar numa das fases teoricamente mais complicadas da época.

Guillem Cabestany
“Acho que o jogo foi bom, com intensidade, numa pista muito difícil e com um ambiente duro. Era preciso jogar assim e acho que hoje, mesmo não fanzendo o melhor jogo da época, foi um jogo muito correto da nossa parte. Os golos, agora no final, foram aparecendo no momento certo, sabendo também que poderíamos ter feito mais. Depois de um fim-de-semana em que tivemos um jogo difícil, hoje vamos mais contentes para casa.”

“A nível anímico penso que depois do Merignac a equipa se ressentiu um pouco, mas no resto da época tem estado bem. Como já disse anteriormente, temos que ser muito exigentes, pois esta equipa pode dar isto e muito mais. Podemos ainda melhorar exibições individuais e coletivas, porque há erros que cometemos no jogo e ainda estamos a trabalhar para que não aconteçam. É importante que os jogadores tenham consciência que esta equipa ainda está longe do seu máximo, portanto há que continuar a trabalhar, pois vêm aí rivais com muito potencial.”»


Fonte|Foto: www.fcporto.pt 

workshops para rodapé Noticias PenteadosdeNoiva