a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Marlene Sousa- “A Liga ...

Sexta-feira , Fev 03 2023
8

Nil Roca- “Temos de ...

Sexta-feira , Fev 03 2023
11

Alejandro Dominguez- ...

Sexta-feira , Fev 03 2023
10

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62980

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
31841

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25826

Sub20 da AD Sanjoanense ...

Quinta-feira , Dez 08 2016
1895

Póquer de Marlene Sousa ...

Sábado , Jul 10 2021
630

João Gomes reforça Sub15 ...

Sexta-feira , Jun 30 2017
1873

4 Tec Massagem 27 Fev

pedronunes2 new

«O treinador do Benfica valorizou a vitória sobre o FC Porto (3-2) e mostrou-se otimista para a segunda mão dos "quartos" da Liga Europeia.

Curta, mas saborosa, a vitória alcançada pelo Benfica frente ao FC Porto, por 3-2, no Pavilhão Fidelidade, coloca as águias em vantagem para o encontro da segunda mão dos quartos de final da Liga Europeia, a disputar a no Dragão Caixa no dia 7 de abril.
"Foi uma boa vitória do Benfica. Fizemos uma boa primeira parte, vacilámos no momento em que o FC Porto igualou, mas depois fomos sempre superiores durante a primeira parte e chegámos ao intervalo com uma vantagem de dois golos", comentou o treinador Pedro Nunes, à BTV.

"A ideia que trouxemos para a segunda parte, na fase inicial, era defender bem e esperar uma situação de transição rápida. Conseguimo-la, beneficiámos de um livre direto, mas não concretizámos. O FC Porto, a seguir, reduz para 3-2. O jogo mudou, o FC Porto foi melhor, teve mais tempo de posse de bola, abusou muito da meia distância e o Benfica foi ineficaz nas bolas paradas. Se tivéssemos concretizado uma ou duas bolas paradas, o resultado era obviamente outro", acrescentou o técnico.

"Os jogadores estiveram bem, foi um excelente jogo de hóquei em patins, com uma fantástica moldura humana. Obrigado aos nossos adeptos, foram incansáveis! Saímos daqui satisfeitos, mas nada está resolvido. Temos de nos preparar para a segunda mão. É bom ter uma vantagem de um golo, mas vamos lá a pensar em ganhar o jogo e passar a eliminatória", garantiu Pedro Nunes.

O Benfica dispôs de livres diretos para elevar a diferença no marcador, mas desta vez os seus jogadores não foram certeiros no um para um com o guarda-redes adversário. "É o momento. São fatores treináveis, e nós treinamo-los, mas é o momento de inspiração, tanto do guarda-redes, que estuda muito bem a forma como o adversário marca os livres diretos, como o contrário também é verdade", explicou o treinador.

"Não estivemos particularmente inspirados, com a exceção do primeiro penálti marcado pelo João Rodrigues. E estamos a falar de executantes que são do melhor que há no mundo. Estes jogadores já não acusam pressão alguma. Gostávamos de jogar todos os dias com pavilhões assim e com adversários deste valor", adicionou Pedro Nunes.

A respeito da arbitragem, Pedro Nunes entendeu que foi "globalmente positiva", embora o Benfica saia do clássico com "alguma razão de queixa no capítulo das faltas".

"Estamos a falar de dois dos melhores árbitros do mundo, duas pessoas extremamente corretas e sérias. Tiveram pontualmente algumas decisões com as quais não concordei, mas no final tive oportunidade de falar com eles. É preciso perceber que são dois árbitros espanhóis, estão habituados a critérios e a um jogo diferentes. Foi um grande espetáculo de hóquei em patins e a equipa de arbitragem esteve bem, dado o grau de dificuldade do jogo", assinalou.

Pedro Henriques: "O nosso muito obrigado a todos estes adeptos. Isto é único!"
Com uma boa atuação na defesa da baliza do Benfica, Pedro Henriques contribuiu para a vitória por 3-2 sobre o rival FC Porto. "Sabíamos que, em casa, éramos sempre favoritos, mas quem quer jogar nesta competiçao tem de ganhar a qualquer outra equipa a nível europeu em qualquer pista. Falo de nós: não temos medo de jogar em qualquer pista, e se aqui jogámos para ganhar, na segunda mão, se queremos estar presentes na Final Four, temos de jogar com o mesmo objetivo", disse o guarda-redes.

Os adeptos, pela forma como puxaram pela equipa de hóquei em patins no Pavilhão Fidelidade, mereceram uma palavra de Pedro Henriques: "Falo por mim e por todos os meus colegas: o nosso muito obrigado a todos estes adeptos, que tornam tudo muito mais fácil. Sabemos que, para onde quer que vamos, nunca iremos sozinhos. Isto é único! Muito obrigado!"

Embora a vantagem seja de apenas um golo, o Benfica parte na frente para a segunda mão dos quartos de final da Liga Europeia. "Iremos a casa do adversário com o mesmo objetivo. Não se trata de mais ou menos pressão, trata-se do Benfica. Queremos voltar a ser campeões europeus, é um objetivo que está em cima da mesa", declarou o guardião, ressaltando a enorme ambição do grupo de que faz parte.

Foto|Fonte: SL Benfica - Texto: João Sanches | Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica