a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Xavier Barroso- “Vamos ...

Terça-feira , Fev 07 2023
12

Edu Lamas- “Vamos com ...

Terça-feira , Fev 07 2023
13

3.ª D- Série D- CRIAR-T ...

Terça-feira , Fev 07 2023
17

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62988

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
31851

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25834

Jogos de Benjamins do ...

Quinta-feira , Abr 30 2015
2056

SL Benfica em testes ...

Sábado , Set 01 2018
1348

RSC Cronenberg vence ...

Segunda-feira , Mai 25 2015
1926

4 Tec Massagem 27 Fev

imgS620I221692T20180522092242

<Sob orientação de Nuno Resende, o Amatori Lodi conquistou o campeonato de Itália pela segunda temporada consecutiva. O treinador português, naturalmente satisfeito com o percurso da equipa na competição, revela ao zerozero.pt a satisfação pelo objetivo cumprido.

«É uma sensação de grande felicidade por termos tido a competência de atingir o objetivo principal a que nos tínhamos proposto no início da época», diz Nuno Resende, apontando aquele que considera ter sido o momento decisivo da temporada.

«O último jogo da fase regular em que vencemos o Forte Dei Marmi, nosso adversário direto, e garantimos o primeiro lugar», diz, lamentando apenas o percurso do Amatori Lodi na Taça de Itália, prova na qual foi eliminado nos quartos de final pelo Follonica.

«Estávamos num bom momento e apresentámos qualidade, mas acabámos por perder o jogo nos quartos de final. Foi uma partida com episódios estranhos que condicionaram o resultado final», recorda, falando também do que falta ao clube para ter prestações europeias melhores que esta temporada, na qual quedou-se pela fase de grupos da Liga Europeia, terminando em terceiro no grupo D, atrás de Sporting e Liceo da Corunha, ficando à frente apenas do Quévert.

«Falta uma estrutura mais profissional e acima de tudo poder financeiro para igualar a qualidade dos plantéis das equipas adversárias», refere.

No plantel do Amatori Lodi, Nuno Resende pôde contar com dois compatriotas esta temporada. Luís Querido apontou 14 golos no campeonato e Gonçalo Pinto foi autor de 30 golos, 28 no campeonato e dois na Liga Europeia.

«Não tenho por hábito fazer avaliações individuais publicamente, mas ambos tiveram prestações muito positivas no desenrolar da temporada», elogia Nuno Resende, falando ainda de Giulio Cocco, internacional italiano de apenas 21 anos que vai representar o FC Porto a partir da época que vem.

«É um excelente atleta e um bom miúdo. Será uma mais-valia para o FC Porto. Ele sabe o que penso sobre o que poderá ser importante na sua adaptação à nova realidade», atira, esclarecendo o seu futuro quanto à próxima época, após ter alcançado o sucesso nas últimas duas épocas.

«Vou cumprir mais uma temporada ao serviço do Amatori Lodi», garante o treinador natural de São João da Madeira.>

Foto±fonte: Zerozero.pt