a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Nomeações de 27 de ...

Sexta-feira , Nov 27 2020
28

2.ª D- Norte- “Mochos” ...

Quinta-feira , Nov 26 2020
76

Paulo Freitas- “Os ...

Quinta-feira , Nov 26 2020
38

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
59645

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
27532

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
21941

"Internacionais não ...

Terça-feira , Set 12 2017
1344

Final Four da Taça de ...

Quarta-feira , Mar 18 2015
1717

Gulpilhares apresenta-se ...

Quarta-feira , Set 27 2017
815

Pluriform PP1

imgS620I226608T20180722194546

<A mítica música dos Xutos e Pontapés adequa-se na perfeição ao tema deste artigo. Portugal perdeu este domingo mais uma final de uma grande competição fora de portas. Algo que tem acontecido regularmente neste novo século. Lembra-se do último grande título português fora da «alegre casinha»?

Desde Salsomaggiore... nada

Data de 1996 a última vitória de Portugal, em grandes provas do Hóquei em Patins (Europeus e Mundiais) fora do nosso país. Foi em Itália, na cidade de Salsomaggiore...

Dessa equipa faziam parte nomes fortes do nosso hóquei patinado, como Filipe Santos, Vítor Fortunato, Paulo Alves, Pedro Alves ou Tó Neves, nomes que conquistaram o cetro europeu com uma caminhada exemplar: oito vitórias em outros tantos jogos.

De lá para cá... nada. Portugal conquistou apenas dois Europeus (em 12 possíveis) e um Mundial (em 11 possíveis). Três títulos que tiveram algo em comum: o norte do país.

Azeméis e Paços para a história

Desde 1996, foram quatro as fases finais de Europeus ou Mundiais que decorreram em solo luso, todas no norte do país. Oliveira de Azeméis recebeu o Mundial em 2003 e o Europeu em 2016; Paços de Ferreira recebeu Europeu em 1998 e Paredes o Europeu de 2012. Destas quatro competições, Portugal... ganhou três.

E a primeira foi a revalidação do Europeu. Depois de 1996, em Itália, Portugal triunfou em Paços de Ferreira em 1998, garantindo o tetracampeonato europeu. Um triunfoque surgiu nos penáltis, perante o eterno rival ibérico.

Novo triunfo em provas de renome só em 2003. Oliveira de Azeméis foi palco do 15º Mundial conquistado por Portugal, com o mítico golo de Pedro Alves a garantir o triunfo diante da Itália.

Depois... 13 anos de seca. Portugal ainda recebeu o Europeu em 2012, em Paredes, mas a Espanha acabaria por ser mais forte, vencendo todas as partidas do certame.

Quatro anos se passaram e o talismã do último Mundial conquistado por Portugal voltou a dar sorte. O Pavilhão Dr. Salvador Machado recebia o Europeu de 2016, que assinalaria o fim de 13 anos sem vencer qualquer prova para Portugal. E novamente contra a Itália...

Nem Nanjing, nem Corunha...

Portugal campeão europeu e sem vencer Mundiais há 14 anos? Nanjing 2017 era o cenário ideal para inverter as tendências. Mas Portugal não foi capaz, nem de voltar a triunfar fora, nem de voltar a ser campeão do mundo.

Daí, os olhos passaram a estar colocados na Corunha. Mas a Espanha foi mais forte que Portugal na final, novamente... Estará a quebra do enguiço marcada para Barcelona, daqui a um ano?>

Foto±fonte: Zerozero.pt