a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

FPP- Nomeações de 29 de ...

Terça-feira , Jun 28 2022
6

Tomas Korosec reforça o ...

Terça-feira , Jun 28 2022
4

CNF- 2.º Jogo da Final- ...

Terça-feira , Jun 28 2022
3

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62076

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
30868

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25022

Elite Cup apresentada

Quarta-feira , Jul 13 2016
2063

XXXI Torneio “Páscoa em ...

Sexta-feira , Abr 19 2019
1227

AP Alentejo- Sub-15- ...

Quinta-feira , Nov 05 2015
1730

massagista inicial

sporting hoquei henrique magalhaes

Henrique Magalhães fez a antevisão ao duelo frente ao Valongo
Sábado, às 18h30, é dia de hóquei em patins. Após a vitória frente ao Sp. Tomar (1-0), os comandados de Paulo Freitas preparam-se para ir defrontar o Valongo, em jogo a contar para a quarta jornada da competição. Henrique Magalhães, atleta leonino, fez a antevisão ao duelo garantindo que apesar de ser um Pavilhão difícil, o objectivo são os três pontos.
É um adversário difícil, o ano passado conseguiram ficar em quinto lugar. Fizeram um excelente campeonato e este ano não será diferente. Vai ser um jogo complicado, mas vamos com a ambição de ganhar, como em todos os jogos. Se fizermos aquilo que temos treinado durante a semana, vamos conseguir trazer os três pontos de Valongo”, garantiu.
Duas formações que, desde que se defrontaram na Elite Cup, melhoraram imenso. “Vai ser um Valongo diferente, tal como nós. São fases da época e contextos de jogos totalmente opostos, agora a valer três pontos. Nem todos os jogos são iguais, até porque vamos jogar em casa deles, o público é muito fervoroso e temos isso em atenção. Mas o campeonato faz-se de vitórias, vamos lá para ganhar”, garantiu.
Antigo jogador do Valongo, Henrique Magalhães mantem o carinho, mas garante que assim que assim que soar o apito inicial, só terá na mente uma coisa: marcar. “Fui muito feliz em Valongo. Joguei lá três anos e fui campeão. Obviamente que voltar a Valongo é especial para mim, mas a partir do momento em que começar o jogo esse sentimento acaba e vou lutar pelos três pontos pelo Sporting. De nós podem esperar aquilo que temos sido nos últimos anos: trabalho e dedicação. Temos 50 minutos para lutar”, terminou.

Fonte- Sporting CP