a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

A lei do mais forte ...

Sábado , Jan 22 2022
2

2.ª Sul- Muches e ...

Sábado , Jan 22 2022
1

TP- Oeiras segue para os ...

Sábado , Jan 22 2022
11

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
61635

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
30158

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
24454

Inscrições para o Curso ...

Terça-feira , Abr 12 2016
1618

HC “Os Tigres”- ...

Quarta-feira , Mar 09 2016
2103

AP Ribatejo- Torneio ...

Segunda-feira , Fev 06 2017
2023

3 Cabeleireiro Inicial

Terronia

55609148 10214594822650741 1067987104694272000 o

Grande jogo aquele que se assistiu no passado sábado em Alenquer entre o Clube local e a AE Física com o resultado final a cifrar-se num empate a 3 bolas.
Jogo entre candidatos à subida, em particular o S Alenquer b, para mais a jogar no seu reduto, onde tem sido, local “infernal” para quem o visita.
O Seu vizinho e rival AE Física D, que teve um início de campeonato atípico, tem aos poucos encurtado caminho para os da frente e no passado sábado era um jogo de “prova de fogo” para os dois emblemas.
Jogo intenso, “rasgadinho”, mesmo, com a equipa da casa a inaugurar o marcador por Tiago Losna logo ao segundo minuto.
João Lima responderia à passagem dos 11 minutos com o empate, resultado que não se alterou até ao intervalo.
Seria André Gaspar, ao segundo minuto da etapa complementar a completar a “remontada. Campelo desperdiçaria um LD após a 10.ª falta do SAB, mas numa fase de maior assédio da equipa da Vila Presépio, acabaria por dar dois golos ao conjunto de Ganchas. Francisco Contins e Alex Silva, ao minuto 18 fizeram, mais uma vez a reviravolta no marcador e foi por pouco que não confirmariam a vitória, não fosse “Marinho” (herói na quarta feira anterior para a Taça de Portugal, onde apontou 4 dos golos que eliminaram o primodivisionário SC Marinhense), a desperdiçar uma GP e um LD.
Quem não “vacilou foi André Gaspar que já nos segundos finais do jogo não falhou o lD que dispôs após um Azul mostrado a Tiago Losna. Estava feito o empate, num jogo onde a incerteza, ou melhor, a vontade de vencer de ambos os lados, deixaram a incerteza no resultado até ao último segundo.
Divisão de pontos, que permite à AE Física manter-se na segunda posição, com 40 pontos, os mesmos do Parede FC, mas com menos um jogo. O S Alenquer B segue na quarta posição com 39 pontos, e também um jogo a menos.
Final de campeonato escaldante e que promete.

Foto- Vitor Pimenta