a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Horários da Final Four ...

Segunda-feira , Ago 19 2019
194

OC Barcelos na ...

Segunda-feira , Ago 19 2019
97

Querer e não ...

Segunda-feira , Ago 19 2019
484

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
57123

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
25060

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
20023

Futuro do Hóquei em ...

Terça-feira , Abr 14 2015
1129

Bruno de Carvalho exigiu ...

Quinta-feira , Jun 23 2016
5862

CI Sagres Sub20 vence CH ...

Domingo , Jan 25 2015
1738

interioresinteriores

reffemcaco

Carlota Russo, ainda sub-19 (ex- Externato S. Filipe) e Constança António (Ex-FC Alverca e ainda sub-16) vão reforçar a formação sénior da equipa de HP feminina do CACO para a temporada 2019/2020.
“A escolha pelo CACO, depois de todo meu percurso no Externato, deve se à vontade de jogar hóquei com grandes jogadoras, aproveitando a situação de ter que vir estudar para Lisboa. Escolhi o CACO por me identificar com este projeto e com as suas ambições. É um grande clube, dos melhores de Lisboa e do País, nas últimas épocas tem-se afirmado a nível nacional. Venho com muita vontade de trabalhar e evoluir, de forma a poder estar presente na Supertaça, contribuir para lutar pelos primeiros lugares da classificação nacional e repetir a presença na Final-Four da Taça de Portugal. Também quero agradecer ao Externato por tudo o que me proporcionou, serão sempre muito importantes para mim”, adiantou a jovem atleta que vem do Alentejo, mais propriamente da formação de Estremoz do Externato S. Filipe.
Constança António, que nas duas ultimas épocas evoluiu no FC Alverca, também expressou a sua alegria emvir representar o Clube Alfacinha.
“Estou feliz por ir representar o CACO e muito mais feliz porque vou poder partilhar balneário com a minha irmã e ter o privilégio de jogar na mesma equipa do que ela. Tenho a certeza que o CACO é o clube certo para evoluir a nível pessoal.
Será um projeto mais exigente visto que o lote de jogadoras é de muita qualidade. Existem jogadoras com muita experiência que já jogaram em grandes clubes e equipas do hóquei feminino, mas estou com muita vontade de trabalhar, de evoluir para poder ajudar a equipa dando o meu melhor contributo sempre que for chamada para tal.

Fonte/Foto- CACO

Segunda Feira