a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

“Um dérbi é sempre um ...

Sexta-feira , Dez 03 2021
9

Gonçalo Alves- “Queremos ...

Sexta-feira , Dez 03 2021
11

Paulo Freitas- “A equipa ...

Sexta-feira , Dez 03 2021
9

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
61489

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
29979

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
24253

Resumo 1.ª Div. 5.ª Jor: ...

Quinta-feira , Nov 23 2017
1903

«Marlene Sousa é a ...

Sexta-feira , Mar 23 2018
1616

BIR já tem o plantel de ...

Sexta-feira , Ago 03 2018
1293

5 Barbeiro Completo

Terronia

famalicense marinhense 2n

A equipa do Marinhense mantem-se invicta na zona norte da 2.ª divisão, somando 4 vitórias em outros tantos jogos.
No passado sábado deslocou-se a Vila Nova de Famalicão, tendo defrontado a equipa do Famalicense AC, com o triunfo a sorrir aos vidreiros por 3-1.
Num jogo que se esperava equilibrado e onde a equipa forasteira iria ter pela frente um dos melhores conjuntos deste campeonato, o SC Marinhense cedo se adiantou no marcador, quando Tomas Korosec fez o 0-1 aos três minutos.
No minuto seguinte a equipa do Marinhense poderia mesmo ter dilatado o marcador não fosse João Peixoto defender o LD apontado pro Gonçalo Domingues.
Até ao intervalo, várias oportunidades para o marcador se alterar, mas as equipa recolheram aos balneários com o placard a registar 0-1.
O SC Marinhense, a exemplo do que acontecera no primeiro tempo , voltou a marcar cedo, aos cinco minutos, desta feita por David Costa, mas o Famalicense dois minutos depois reduziu para 1-2 por Pedro Silva, na marcação de um LD.
Na resposta veio o 1-3 apontado por Juan Fontan, estavam então decorridos 9 minutos desta etapa complementar.
Até final mais Famalicense, a obrigar a trabalho redobrado à defesa vidreira, mas Marco Gaspar o guardião do Marinhense a estar em destaque ao segurar, uma atrás da outra, as oportunidades que a equipa de Vítor Silva foi criando, em particular dois LD que o guardião da Marinha Grande defendeu.
Triunfo que se justifica pela capacidade defensiva do SC Marinhense assim como pela eficácia em momentos importantes do jogo que valeram três pontos que mantem a equipa da Capital do Vidro na liderança da prova, a par da equipa “B” da AD Valongo.

Foto- António Lopes/ www.hoqueipatins.pt 

Segunda Feira