a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Hélder Nunes - "Um ...

Quarta-feira , Abr 08 2020
9

FPP- Performance- ...

Quarta-feira , Abr 08 2020
38

"Voltar a jogar, sim, ...

Quarta-feira , Abr 08 2020
36

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
58479

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
26359

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
20990

Informações Campeonato ...

Segunda-feira , Jun 12 2017
2764

X Torneio “Cidade de ...

Quarta-feira , Abr 04 2018
542

Alessandro Verona ...

Domingo , Jun 02 2019
791

interiorespluri unhas J

83426355 2725358550878011 8356999183890120704 o

O FC Porto não foi além de um empate a duas bolas na deslocação a Viana do Castelo, num jogo onde o jovem guardião minhoto se cotou como um dos melhores jogadores em rinque, segurando o empate frente ao atual campeão nacional.
Partida onde a formação portista esteve melhor no primeiro tempo inaugurando o marcador muito cedo por intermédio de Benedetto de LD, corria o minuto três. Aproveitando a embalagem, a equipa de Cabestany chegaria ao 0-2 aos 9 minutos por Gonçalo Alves, perante um Juventude Viana a mostrar algumas dificuldades em travar o ataque portista.
A vantagem de dois golos para o FC Porto ao intervalo justificava-se em pleno já que tinha a sido a melhor equipa em rinque nesse período.
A segunda metade acabaria por ser diferente, com um Viana mais afoito, a subir a linha defensiva e a dificultar dessa forma a iniciativa atacante dos dragões.
Foi uma fase de maior assédio dos minhotos mas que teve em Malián, o seu maior opositor, com o guardião portista a estar em evidência pelas defesas que foi efetuando.
Francisco Silva aos 15 minutos reduz, numa jogada individual, mas com culpas para a defesa portista, golo esse que deu alento ao conjunto de André Azevedo que nos minutos seguintes foi claramente a equipa mais perigosa em rinque. Aos 22 minutos Gustavo Lima empata a partida, dando alguma justeza ao que se passava em rinque, com os minutos finais a serem de pressão portista e onde Bruno Guia se mostrou imperial na defesa da baliza minhota.
E a grande oportunidade surgiria já nos segundos finais do encontro e para a Juventude de Viana com Francisco Silva a não conseguir encontrar o melhor caminho para a baliza do desamparado Melian.
Pouco depois terminava o encontro, com um resultado que certamente o FC Porto não estaria à espera, mas que acaba por ser o mais justo para aquilo que as duas equipas mostraram nos cinquenta minutos do jogo.
Um ponto que sabe a ouro para aofrmação minhota que passa a somar 11 pontos,, mas ainda se mantem abaixo da linha de água a um ponto do CD Paço Arcos. O FC Porto desperdiça a oportunidade de se poder aproximar do SL Benfica e Sporting CP, atuais lideres com 34 pontos, mais 4 que a formação portista.
Na próxima jornada a Juventude Viana desloca-se a Valongo e o FC Porto recebe no Dragão Arena o CD Paço Arcos.

Foto- Facebook da A Juventude de Viana