a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Edu Lamas- “Sinto falta ...

Sábado , Abr 04 2020
43

Relembrar... ...

Sábado , Abr 04 2020
27

Miguel Fortunato- ...

Sexta-feira , Abr 03 2020
303

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
58464

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
26348

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
20978

Famalicense AC com ...

Segunda-feira , Ago 07 2017
1098

André Alves retira-se do ...

Quarta-feira , Mai 20 2015
1255

AP Lisboa e AP Coimbra ...

Sexta-feira , Nov 16 2018
1144

interiorespluri unhas J

73533068 1360121674165969 5897339634731450368 o

O Alenquer voltou aos triunfos e logo no recinto do Parede FC, atual segundo classificado entrando assim na luta pelos lugares de acesso à subida, com a formação de Alenquer a vencer por 6-1.
Depois de ter somado duas derrotas e dois empates nas últimas quatro partidas a formação de Rui Henriques chegou ao “Fernando Lopes Graça” com a obrigatoriedade de somar pontos, sob pena de ficar irremediavelmente afastado da luta pelo segundo lugar.
O Parede que está a fazer um campeonato deveras interessante, mas a mostrar-se nesta fase do campeonato algo irregular, e a poder queixar-se da falta de eficácia nas bolas paradas, acabou por ser vítima da equipa da “Vila Presépio” que entrava neste jogo com o foco nos três pontos.
E foi o que acabou por suceder com a equipa de Alenquer a começar cedo a ganhar vantagem, com o golo apontado por Dário Santo logo aos quatro minutos. Numa fase de equilíbrio o Parede teve duas oportunidades soberanas para poder mudar o rumo do marcador mas Bernardo Sousa e Ricardo Lopes (de GP e LD, respectivamente) não conseguiram concretizar e “Marinho” na resposta acaba por elevar para 0-2 a três minutos do intervalo.
A perder a equipa da linha entrou para a etapa complementar a assumir o risco e isso acabou por ser fatal para a formação de Pedro Gonçalves que viu “Marinho” logo aos três minutos a fazer o 0-3.
A vencer por 3-0 a formação do Alenquer soube então gerir de forma inteligente a vantagem e a ter um “Marinho” com stick “on fire” neste jogo, acabou por ser decisivo no desfecho do jogo.
O internacional moçambicano aos 7 minutos elevou para 0-4, o Parede dispõem de mais um LD que se perde no entanto Ricardo Rocha reduz mesmo aos 14 minutos.
O mesmo jogador tem tudo para poder marcar, mas mais uma vez a má pontaria na marcação de um LD após a exclusão, por azul de Garção, dá alento aos visitantes que dois minutos depois elevam para 1-5 pelo inevitável “Marinho” que para terminar em beleza fecha as contas desta partida aos 24 minutos a apontar o 1-6.
Triunfo justo do conjunto de Alenquer, que soube aproveitar bem as oportunidades consentidas pela defesa da formação da linha, perante um Parede perdulário e que acabou por pagar caro esse facto.
Este triunfo do S Alenquer B volta a colocar a equipa de Rui Henriques na luta pelo segundo lugar já que soma 29 pontos a cinco pontos do duo Parede FC e Candelária SC.
Na próxima jornada o Parede FC desloca-se ao recinto do HC Sintra com o S Alenquer B a jogar no seu recinto onde será anfitrião do GRF Murches.

Foto- Facebook Mário Rodriguez (Arquivo)

2Segunda