a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Oliveirense aproxima-se ...

Quinta-feira , Fev 25 2021
71

No Minho fica a duvida. ...

Quarta-feira , Fev 24 2021
228

Resumo SC Tomar- HC ...

Terça-feira , Fev 23 2021
96

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
60013

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
27945

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
22309

2.ª D- Sul- Antevisão da ...

Sexta-feira , Jan 29 2016
1413

CE Sub-20- Resumo do ...

Quarta-feira , Set 19 2018
712

CN Norte Sub15 2.ª Fase: ...

Terça-feira , Mai 31 2016
1347

2 Barbeiro

APLisboa

Em comunicado, esta sexta feira publicado no site da Associação de Patinagem de Lisboa, a Direção daquela associação reafirma a suspensão das competições que a mesma está a organizar e espera, no decorrer do próximo mês de Maio, poder definir a sua posição, estando, naturalmente, dependente da evolução da Covid-19.

“Estado de Emergência
Confinamento e abertura progressiva

A APL - Associação de Patinagem de Lisboa, está atenta aos últimos desenvolvimentos no âmbito da Covid-19 e que levaram à implementação do atual Estado de Emergência no país.

Como é público, a 10 de março suspendemos todas as atividades competitivas e aconselhamos os nossos Clubes a suspenderem os treinos de todas as disciplinas.

Passados cerca de 45 dias e, depois de entrarmos em “lay-off” a 11 do corrente, mantemos os serviços da Associação a funcionar através do correio eletrónico geral, This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. e dos comités de hóquei em patins e patinagem artística e, no que diz respeito aos aspetos sanitários, acompanhamos a evolução da pandemia com base nas recomendações da Direção Geral de Saúde.

Respondemos à FPP e ao “caderno reivindicativo” dos Clubes da 1ª Divisão com propostas de âmbito alargado para discussão, prevendo já uma severa recessão económica a curto e médio prazo. Temos consciência do reduzido “peso” da Patinagem no Desporto português e da nossa insignificância no contexto económico mas acreditamos que devemos aproveitar este período crítico e de efetivo abalo das estruturas existentes posicionando-nos de forma estruturada, reduzindo custos supérfluos e canalizando as nossas energias para a vertente desportiva das nossas disciplinas, com base nas pessoas e na saúde, potenciando uma competição espetáculo de alto nível competitivo, onde todos os intervenientes, Dirigentes, Treinadores, Árbitros, Pais e restantes colaboradores prestem um serviço cada vez mais “profissional” aos Atletas, elementos centrais desse mesmo Desporto.

Participamos na discussão promovida pela FPP para reformulação dos quadros competitivos nacionais da Patinagem Artística.

Analisando os últimos dados sanitários e económicos manifestamente contraditórios entre si e, tendo em conta os valores necessários para reiniciar a atividade desportiva que, numa primeira
fase, eventualmente apenas serão possíveis para o futebol ao mais alto nível competitivo e económico e, tendo como prioridade a saúde dos nossos Atletas, consideramos que não existem
condições para alterar a decisão tomada a 10 do passado mês de Março.

Assim, renovamos a indicação para que os nossos Clubes mantenham as suas atividades suspensas na defesa da saúde da comunidade em geral e dos Atletas em particular.

A Direção da A. P. de Lisboa, até data a indicar, mantém a suspensão de todas as Competições, Encontros, Testes e Torneios por nós organizados.

Reafirmamos a nossa disponibilidade para discutir com todas as entidades da Patinagem e do Desporto novas fórmulas de estruturação tendo em vista renovar a Patinagem em Portugal, podendo mesmo num cenário mais negro e que ninguém deseja, evoluir para a finalização da época em curso, explorar formas organizativas excecionais para a próxima, e/ou encontrar outras
soluções alternativas.”

Fonte- AP Lisboa

5 Sexta