a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

SL Benfica de volta aos ...

Sábado , Jan 16 2021
45

Riba D´Ave vence em ...

Sábado , Jan 16 2021
50

Valongo cede empate ...

Sábado , Jan 16 2021
41

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
59899

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
27830

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
22190

Alejandro Dominguez ...

Segunda-feira , Jun 05 2017
1911

HC Turquel- 30.º Torneio ...

Quarta-feira , Abr 04 2018
698

Sorteio das competições ...

Segunda-feira , Ago 10 2015
1284

janeiro Pluriform 2

5d2539da ae0b 4355 a369 33973e7f14fa

Depois de ter vencido, na quarta-feira, o HC Braga por 4-3, este sábado, às 11h00, a equipa de hóquei em patins do Sporting Clube de Portugal volta a jogar no Pavilhão João Rocha, agora para defrontar o Riba d'Ave HC na 11.ª jornada do Campeonato Nacional.

Na antevisão da partida, o técnico Paulo Freitas previu "um adversário que vem exactamente na linha dos dois últimos" [partidas que se revelaram muito exigentes para os verdes e brancos].

“Vai ser certamente uma equipa equilibrada a defender, com linhas muito curtas num bloco baixo. Além disso, tentará explorar os nossos erros para aproveitar as transições e será também paciente nas suas acções ofensivas para desgastar o Sporting CP. Temos de estar preparados para isso”, alertou o treinador Leonino.

Apesar de ter menos um jogo do que o segundo classificado, a UD Oliveirense, o conjunto de Alvalade lidera o campeonato com dois pontos de vantagem e destaca-se também como a formação menos batida. Do outro lado, estará o Riba d'Ave HC, actualmente no último lugar e com o ataque menos concretizador da competição. Apesar disso, Paulo Freitas não espera uma tarefa fácil.

“Nós vamos à procura de tentar desbloquear o jogo e tentar torná-lo menos difícil. Mas convém perceber que a equipa do Riba d'Ave HC é constituída por gente muito jovem, com qualidade e que quer evoluir. Aliás, é um conjunto que já conseguiu derrotar em casa um candidato ao título [5-4 ao SL Benfica]. Portanto, é com esse respeito que vamos abordar o jogo de amanhã, mas com o claro objectivo de conquistar os três pontos e seguir em frente”, garantiu o técnico.

A caminho da 11.ª jornada, o Sporting CP é a única equipa ainda invicta no campeonato, o que na visão de Paulo Freitas é: “O reconhecimento do trabalho que temos feito”. Ademais, o treinador dos Leões admite que “trabalhar em cima de vitórias é claramente diferente e esta é a dinâmica que queremos impor até ao final da época. Queremos ficar em primeiro nesta fase para podermos ter vantagens depois nas eventuais decisões do play-off. Portanto, consolidar a dinâmica de vitória é o que pretendemos”, afirmou.

Esta partida será ainda a segunda consecutiva no Pavilhão João Rocha, uma casa que ainda não pode contar com a presença de público. “Nós sentimos a falta dos nossos adeptos, porque havia uma dinâmica muito forte criada com eles que nos dava aquele empurrão que às vezes é necessário”, admitiu Paulo Freitas.

Ora, com essa adaptação também em mente, o treinador verde e branco garante: “A equipa sabe a forma como trabalha e aquilo que quer, por isso o caminho diário só pode ser o do trabalho e o da entrega para poder atingir objectivos maiores no final da temporada”, rematou.

Fonte- Sporting CP

Pluriform PP2