a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Reinaldo Garcia após o ...

Sábado , Jul 02 2022
27

Paulo Almeida- “Elas não ...

Sábado , Jul 02 2022
16

Águias garantem final ...

Sábado , Jul 02 2022
14

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62097

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
30891

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25044

“Roller Rosa” um projeto ...

Sexta-feira , Fev 14 2020
1056

CN- Sub-15 – Zona Sul – ...

Quinta-feira , Mar 05 2015
2012

Pedro Henriques- “Temos ...

Sexta-feira , Dez 18 2020
550

massagista inicial

erer

No primeiro jogo oficial da Taça 1947, no pavilhão do Luso, o embate entre o OC Barcelos e o SL Benfica terminou com a vitoria do conjunto lisboeta por 3-2, com uma igualdade a uma bola ao intervalo.

Recorde-se que as duas equipas defrontaram para o campeonato no passado sabado em Barcelos, com o triunfo a sorrir dessa vez aos minhotos pelo mesmo resultado, 3-2.

Na abertura da Taça 1947, o SL Benfica viu Miguel " Vieirinha ", jogador formado no Barcelos, abrir o marcador aos 6', mas a turma minhota respondeu aos 8' por Luís Querido de grande penalidade.

O marcador chegou empatado a uma bola ao intervalo, apesar das oportunidades criadas, em especial em lances de bola parada com Conti Acevedo a defender dois ( uma grande penalidade e um livre direto) e Pedro Henriques um livre direto.

A segunda parte começou aos 7' com Pedro Henriques a brilhar, ao evitar o remate de Luís Querido de livre direto a punir a décima falta da equipa do Benfica.

No entanto aos 10' Carlos Nicolia de grande penalidade fez o 2-1, um lance que motivou protestos por parte da comitiva barcelense, visto que o árbitro mandou repetir o lance após o jogador encarnado ter rematado sem autorização.

Em mais um lance de bola parada, um livre direto aos 15' Lucas Ordoñez aumentou para 3-1.

A perder o OC Barcelos respondeu no ultimo minuto por Dario Gimenez numa " picadinha ", fazendo o 3-2 final.

Ainda arriscou e tentou sem guarda redes chegar ao empate mas o Benfica segurou a preciosa vantagem de um golo.

Assim o SL Benfica segue em frente na Taça 1947, esperando agora pelo adversário do jogo entre a UD Oliveirense e a AD Valongo.

A equipa minhota do OC Barcelos está de regresso a casa, visto a prova não ter definição para a classificação final das oito equipas presentes na competição.