131419112 192649286196990 8004472752174634949 n

Gonçalo Alves antevê a receção ao Sporting, na final do nacional de hóquei em patins (domingo, 15h00)
O jogo 4 da final do nacional de hóquei em patins torna a opor o FC Porto ao Sporting. A partir das 15 horas deste domingo (FC Porto TV/Porto Canal), os campeões em título tentam igualar a eliminatória e levar a decisão do campeonato para a “negra” em Lisboa. Na antecâmara de mais um clássico no Dragão Arena, Gonçalo Alves descreveu o cenário como “muito difícil”, mas mostrou-se confiante na recuperação portista: “Temos noção do que é necessário fazermos para vencer”. Em jeito de apelo aos adeptos, o maior artilheiro da prova concluiu: “Continuem a acreditar no nosso trabalho. Vamos dar o máximo para vencermos esta final”.

Sem margem de erro
“Estamos numa situação muito difícil, mas não queremos que o Sporting vença aqui o campeonato e vamos fazer tudo para irmos a quinto jogo e tentarmos ganhar no pavilhão João Rocha. É difícil, mas temos noção do que é necessário fazermos para vencer.”

Competitividade máxima
“Temos o melhor campeonato do mundo de hóquei em patins. É importante ver que, em Portugal, se está a trabalhar muito bem para termos aqui os melhores jogadores. A competitividade que existe entre estas equipas fica demonstrada nesta final, como também o FC Porto e o Benfica demonstraram na meia-final. É sempre bonito ver o hóquei em patins neste caminho.”

Pormenores decisivos
“Vamos tentar trabalhar os pormenores que possam resultar contra o Sporting e melhorá-los. Temos que fazer com que eles não tenham tantas chances como no último jogo para podermos vencer. Vai ser um jogo de muito querer e união da nossa parte para conseguirmos vencer.”

Semana limpa
“Tivemos sete jogos em vinte dias e foi difícil preparar os jogos, foi mais com base em vídeos e no trabalho fora do campo. Esta semana é mais importante, dá para recuperar as pernas e também psicologicamente. Deu para trabalharmos mais pormenores do que fizemos nos outros jogos.”

Mensagem aos adeptos
“Continuem a acreditar no nosso trabalho. Vamos dar o máximo para vencermos esta final. Temos saudades do apoio deles aqui, mas sabemos que estão sempre lá fora a torcer por nós e pelas nossas vitórias.”

Fonte/Foto- FC Porto

14