a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

“A dificuldade era ...

Sábado , Nov 26 2022
5

Paulo Almeida- “A equipa ...

Sábado , Nov 26 2022
4

CNF- Dérbi de sentido ...

Sábado , Nov 26 2022
5

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62734

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
31535

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25581

AP Setúbal – ...

Terça-feira , Mai 30 2017
1764

Gonçalo Meira deixa HC ...

Terça-feira , Jun 19 2018
1230

Nomeações de 18 a 25 de ...

Terça-feira , Out 16 2018
1716

6 10Massagista Inícial

275018397 936443007070540 1390462499272636886 n

A Oliveirense veio a Tomar vencer a equipa local por 3-4, num jogo onde a formação de Paulo Pereira voltou a ter forte réplica da equipa ribatejana, e a exemplo do que acontecera para a eliminatória da Taça de Portugal, voltaria a sair da cidade nabantina com uma vitória tangencial.
Um jogo que começou praticamente com o golo da Oliveirense apontado pro Marc Torra ainda nos segundos iniciais o encontro.
A equipa tomarense reagiria e aos 9 minutos empatou por intermédio de “Rubinho”. Pouco depois “Caio” tem oportunidade para colocar a equipa tomarense na frente mas desperdiça um LD o mesmo acontecendo minutos depois com Lucas Martinez de LD.. Quem não perdoou foi Marc Torra que de GP apontou o 1-2, mas ainda antes do intervalo “Caio” assinou o empate a duas bolas.
Uma segunda parte que deixava água na boca depois de 25 minutos intensos e acabou por se concretizar o que se esperava.
Duas formação apostadas em vencer, a manter um ritmo alto e é novamente a Oliveirense a ganhar vantagem com Xavier Cardoso a fazer aos 5 minutos o 2-3.
Ivo Silva aos 12 minutos volta a colocar o empate no marcador quando apontou o 3-3 mas a dois minutos do términus do jogo Nuno Araújo pleno de oportunidade faz o 3-4. Seria a equipa tomarense a ter a oportunidade de poder empatar mas Tomás Moreira a enviar a bola ao ferro na marcação de um LD (10.ª falta da UDV) corria o minuto 24.
Um triunfo suado da Oliveirense num jogo intenso e que poderia ter caído para qualquer dos lados.
Após esta ronda 23 a Oliveirense soma 47 pontos, ocupando o 5.º posto com o SC Tomar a manter-se na 7.ª posição com 33 pontos.

Foto- João Flores (Arquivo)

Barbeiro Epica