a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Oliveirense mais forte ...

Quinta-feira , Fev 20 2020
35

Braga de volta aos ...

Quinta-feira , Fev 20 2020
29

Miguel Albuquerque- ...

Quinta-feira , Fev 20 2020
107

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
58222

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
26117

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
20790

2.ª Divisão -Sul – ...

Quinta-feira , Jan 05 2017
1198

AP Leiria- Selecção de ...

Sexta-feira , Jan 29 2016
1206

3.ª Divisão- Centro – ...

Terça-feira , Jan 12 2016
1008

interioresCabeleireiro ESS Q

 

1.ª divisãonacional

Depois do arranque na passada semana do nacional da 1.ª Divisão e que teve no dérbi entre Águias e Leões o jogo mais mediático, esta segunda ronda da prova traz-nos um Sporting CP- AD Valongo agendado para o próximo Domingo pelas 15 horas. Frente a frente um leão transfigurado para melhor e que na baliza tem André Girão que vai defrontar a sua antiga equipa.
Do outro lado um Valongo que ostenta as quinas de campeão nacional e que mantem o hábito de vitórias. Depois da conquista da supertaça frente ao Benfica, a equipa de Paulo Pereira iniciou a época com um triunfo no “San siro” perante o novo primodivisionário HC “Os Tigres” por 5-1.
Esta partida é talvez a mais mediática desta segunda jornada e que teria em caso de bolsa de apostas, uma tripla como prognóstico.
O FC Porto por sua vez viaja até terras ribatejanas onde vai defrontar a equipa da capital da Sopa da Pedra, o HC Os Tigres. Favoritismo quase por inteiro para a formação comandada por Tó Neves frente a um conjunto de outro campeonato e com objectivos diferentes para esta prova
O Benfica viaja até ao norte, mais concretamente até à Póvoa do Varzim onde vai ter que se haver com a equipa do CD Póvoa, outra das formações que ascenderam à 1.ª Divisão, e que na jornada inaugural saiu derrotada na deslocação a Viana do Castelo por 8-2.
A equipa de Carlos Silva a exemplo do Tigres de Almeirim tem objectivos diferentes neste campeonato, mas isso não obsta que a formação poveira possa surpreender um Benfica que ainda não conseguiu engrenar as agulhas todas.
Outro dos jogos grandes desta 2.ª jornada disputa-se em Turquel com a equipa local a receber o Juventude de Viana. Partida certamente intensa e de resultado imprevisível. A formação local que na temporada transacta perdeu frente ao conjunto de Pedro Sampaio (na altura por 6-2) e que teve Luís “Zorro” Viana como responsável por esse desaire, tem no próximo Sábado oportunidade de tentar “vingar” essa desfeita da época passada. Num ambiente por norma intenso e com um público entusiasta e que respira hóquei pelos “poros”, a formação minhota tem aqui um teste às suas capacidades nesta prova.
No Minho, na Cidade de Barcelos a equipa local recebe a AD Sanjoanense. Jogo entre equipas com disposições diferentes relativamente à jornada inaugural. A formação do OC Barcelos vem de um triunfo fora de portas, no Carvalhos frente ao Clube local por 4-2, enquanto a formação de S. João da Madeira saiu derrotada da visita à “Aldeia do Hóquei” onde perdeu por 7-3.
A jogar no seu reduto, a formação de Paulo Freitas tem argumentos para levar de vencida a equipa de Vítor Pereira, no entanto a ter que se precaver da entrega dos jogadores alvinegros, a exemplo do que aconteceu em Turquel, onde só na fase final da segunda parte a formação local conseguiria ganhar avanço que garantiu o triunfo.
O “Casablanca” estreia-se esta temporada com o jogo entre o Paço de Arcos e o CH Carvalhos. Duas equipais que vem de derrotas na jornada inaugural. Se a formação de Paulo Garrido ainda tem a desculpa pelo facto de ter jogado frente à Oliveirense, uma das mais fortes equipas deste nacional, no reduto destes, já a formação do Carvalhos desperdiçou a oportunidade de amealhar pontos no seu reduto, ao perder frente ao Barcelos.
Jogo com pendor para a equipa lisboeta, num encontro que deverá ter o equilíbrio como note de referência.
Por fim na Ilha do Pico joga-se a outra partida que encerra esta jornada.
A formação orientada por Hugo Gaidão recebe a UD Oliveirense numa partida onde a equipa local terá que se transpor para garantir os 3 pontos em disputa.
Jogo sem dúvidas interessante de se seguir este que se realizará nos Açores entre a Candelária e a Oliveirense, disposta a lutar pelos lugares cimeiros deste campeonato.

Resultados: http://www.plurisports.com/geral/index.php/pt/res-1div
Classificação Geral: http://www.plurisports.com/geral/index.php/pt/classificacaocn1divisao

ItáliaSub20
A equipa italiana sub20 venceu hoje frente à seleção inglesa por 0-7, em jogo dos 1/4 de final do Campeonato Europeu Sub20 que decorre em Valongo. A equipa italiana comandou toda a partida, como seria de esperar, com os seus jogadores a definirem desde cedo que apenas a vitória lhes interessava. Ainda assim, a equipa inglesa conseguiu resistir até aos 7’ para o intervalo, quando Alessandro Verona abriu o marcador, fazendo o 0-1. Com este golo a Itália galvanizou-se e a 3’ do descanso, Filippo Compagno aumentou para 0-2, para ainda no último minuto do 1.º tempo Alessandro Verona bisar e estabelecer o 0-3. A 2.ª parte começou com uma Itália ainda mais determinada e naturalmente acabou por fazer o 0-4, por Davide Banini. O jogo estava decidido e o vencedor já encontrado, mas a equipa inglesa tentou sempre reagir, mas sem sucesso. A 6’ do final, Andrea Scuccato faz o 0-5 e já no último minuto os italianos ainda marcaram por duas vezes. Primeiro por Federico Buralli, que fez o 0-6 de livre direto e logo de seguida por Alberto Greco, que fechou a contagem em 0-7, apurando a Itália para a 1/2 final, que será frente ao vencedor da partida entre a Espanha e a Alemanha, agendada para hoje às 19h.

Inglaterra 0-7 Itália
Inglaterra Sub20
Edward Munt (Gr), Joshua Gay, Nicolas Pembrey, Samuel Lightfoo, Rees Parfitt, Maxime Dunand, Scott Neville, Alexander Jones, Alexander Mount (1), Thomas Alland (Gr).
Treinador: José Carlos Amaral

Itália Sub20
Mattia Verona (Gr), Andrea Scuccato, Davide Banini (1), Filippo Compagno (1), Alessandro Verona (2), Alberto Greco (1), Federic Buralli (2), Giulio Cocco, Bruno Sgaria, Davide Gavioli, Davide Pertegato (Gr).
Treinador: Tommaso Colamaria

Resultados

EuroS20 Inglaterra vs. Itália - Resumo - 1/4 Final

EuroHoqueiSub17
Estão definidos os grupos do Torneio Eurockey Sub17 que terá início na próxima quinta-feira, dia 16 de outubro em Blanes. O sorteio que foi realizado com a presença de Francesc Gil (organizador da prova e jogador do Noia) e pelas mãos de Marc Gual, jogador do FC Barcelona ditou as sortes para os clubes participantes com os clubes portugueses expectantes pelos os adversários que lhes iam saindo nos 4 diferentes grupos.

Realizado o sorteio, ficaram definidos os grupos da seguinte forma:
Grupo A
- RCK Seynod
- CP Manlleu
- ADSanjoanense
- RC Uttigen
Grupo B
- FCBarcelona
- GS Hockey Trissino
- USVillejuif
- Letchworth RHC
Grupo C
- HCBraga
- CPAlcobendas
- Hockey Bassano
- SC Thunerstern
Grupo D
- Hockey UPV Mirandola, Modena
- AC Ordenes
- Quintin RC
- Sporting CP

candelaria 2014-15 600

Segundo aquilo que a Plurisports apurou de fonte fidedigna existem atletas da equipa do Candelária que se recusam a treinar enquanto não lhes for entregue as verbas que se encontram em atraso. Segundo aquilo que apuramos há jogadores com seis meses de ordenados em atraso, e relativamente a esta temporada ainda ninguém viu a “cor do dinheiro”. Segundo a mesma fonte tem havido promessas que as verbas estão já disponíveis mas até ao momento ninguém ainda viu-se ressarcido dos valores em falta. 

A equipa do Candelária recebe no próximo Sábado a formação da Oliveirense em jogo a contar para segunda jornada do Nacional da 1.ª Divisão, numa partida onde Hugo Gaidão não poderá contar com Pedro Afonso admoestado com cartão vermelho no jogo realizado no Dragão frente ao FC Porto.

2.ªDivZonaNorte

Já começou a 4.ª Jornada do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão – Zona Norte, com a partida realizada entre a AA Espinho e o HC Braga, que a equipa de Espinho venceu por 6-5. Ainda assim, as restantes partidas estão agendadas para o próximo sábado, exceto o jogo entre a ACR Gulpilhares e o GDC Fânzeres, que foi adiado para o próximo dia 22 de outubro, pelas 22h.

HC Mealhada vs Escola Livre
Na Mealhada disputa-se nesta ronda, uma partida entre equipas vizinhas, com o HC Mealhada a receber a Escola Livre de Azeméis. Nesta partida seria natural pensar que o HC Mealhada seria favorito, tendo em conta as últimas temporadas, mas a realidade é que a Escola Livre está num bom momento, tendo duas vitórias, em duas partida realizadas neste campeonato. Já o Mealhada, está numa situação bem diferente, tendo um plantel totalmente reformulado e sem ainda ter conseguido qualquer ponto até à data, o que os deixa numa situação complicada, na classificação. Assim, percebe-se naturalmente que a Escola Livre parte com algum favoritismo à conquista dos 3 pontos e caso isso aconteça, poderá mesmo vir a dar um salto substancial na classificação.

Famalicense vs Riba d’Ave HC
Em Vila Nova de Famalicão teremos um duelo entre equipas vizinhas e rivais, com o Famalicense AC a receber o Riba d’Ave, num duelo que é sempre emotivo e com as emoções à flor da pele. Ainda assim, o Riba d’Ave, que perdeu frente ao Famalicense no Torneio Cidade de Famalicão, atravessa um melhor momento, pelo que poderá acontecer agora um resultado bem diferente daquele que foi verificado nos jogos de pré-temporada. Para a equipa de Fernando Almeida, também será uma excelente oportunidade para começar a pontuar, pois ainda não conseguiram qualquer vitória até à data e encontram-se num incómodo 14.º lugar, com 0 pontos.

CI Sagres vs. Juventude Pacense
Em Lordelo do Ouro, o CI Sagres recebe a Juventude Pacense, numa partida entre equipas que estão a realizar uma excelente temporada. O CI Sagres segue na 5.ª posição, com 2 vitórias e 1 empate em três partidas realizadas, o que permite à equipa de Paulo Castanheira estar muito perto da Juventude Pacense, que segue no 1.º lugar, com 9 pontos em 3 jogos, fruto de 3 vitórias. Esta será, sem dúvida, a partida mais interessante da jornada, que colocará frente a frente duas equipas com aspirações legítimas e que tudo darão para se manterem na senda do 1.º lugar da classificação.

HA Cambra vs. CD Cucujães
Em Cambra, o HA Cambra recebe o CD Cucujães, numa partida entre equipas com objetivos claramente distintos. O Cambra a tentar voltar à 1.ª Divisão Nacional e com aspirações para tal, enquanto o CD Cucujães luta para a manutenção, procurando cimentar o seu lugar na 2.ª Divisão, depois de na temporada anterior se ter “safado” apenas na última jornada. Esta será certamente uma partida em que a equipa de Vale de Cambra aparece como grande favorito, com a equipa de Ricardo Geitoeira a não poder sequer pensar em nada que não seja a vitória, porém terá que contar com a entrega e dedicação dos atletas de Carlos Gonçalves, que já mostrou na temporada anterior que querem muito garantir a sua continuidade neste campeonato para conseguirem consolidar o clube da Vila do Couto.

HC Marco vs. CRPF Lavra
Em Marco de Canavezes, joga-se uma partida entre equipas que estão atualmente sem qualquer ponto, fruto de uma derrota, em apenas uma partida realizada por cada uma delas. Enquanto o HC Marco foi derrotado, na Escola Livre por 6-3, na 3.ª jornada, o CRPF Lavra foi derrotado na 1.ª ronda, frente ao HA Cambra por 2-9. Tendo em conta o percurso das equipas e as últimas temporadas, será natural pensar que o HC Marco, a jogar em casa poderá tirar daí alguma vantagem, porém convém também não esquecer que a equipa do Lavra também quererá pontuar e que tudo fará para voltar de Marco de Canavezes com os três pontos.

Resultados e Classificação

TAÇA-EKIS

J. Ouriense e União FE encontraram-se esta quarta-feira para disputar o jogo referente à 6.ª jornada da Taça APR/EKIS com a formação de Pedro Nobre a golear a equipa que milita na terceira divisão por 16-3.

Diferentes andamentos em termos individuais e colectivos durante a partida entre duas equipas em divisões diferentes acabaram por ser determinantes no resultado final. Ao intervalo o União FE já vencia por 9-1, com a segunda metade a deixar patente essa diferença entre os conjuntos e os golos a aparecerem de forma natural.
Quem também venceu foi o HC Tigres que na terça-feira recebeu no “Alfredo Bento Calado” a equipa do HC Santarém a quem venceu por 10-3 em jogo referente à 3.ª Jornada da prova que a AP Ribatejo está a levar a efeito.
Com 5-1 ao intervalo a equipa de Pedro Nifo com outra dinâmica acabou por reforçar o score no segundo período vencendo por 10-3.
Próxima jornada a realizar na próxima semana opõem o União FE ao SC Tomar no “Albano Mateus” e que vai certamente decidir o vencedor desta 2.ª edição da Taça APR/EKIS, que na passada temporada teve o SC Tomar como vencedor. As duas equipas encontram-se empatadas na liderança com 9 pontos e são as únicas a poder aspirar a levar o troféu para as suas vitrinas.

ekis-class-res

aae-hcb

Em jogo antecipado da 4ª jornada do nacional da segunda divisão, o HC Braga sofreu a primeira derrota na prova em Espinho diante a formação da casa apor 6-5.

Numa partida marcada pelo equilíbrio o vencedor só foi encontrado nos últimos minutos com a AA Espinho a virar o resultado de 5-3 favorável ao Braga para o 6-5, garantindo assim os três pontos.
O grande responsável pelo triunfo da AA Espinho foi o anterior atleta do Braga, Frederico Saraiva que apontou quatro dos seis tentos da sua equipa. Os outros dois pertenceram a Tibério Carvalho e Bruno Fernandes.
Por parte do HC Braga, Ângelo Fernandes fez dois golos com Gabi Silva, João Campos e André Ferreira a obterem um cada.
Com este resultado as duas equipas estão empatadas na classificação ambas com sete pontos.
Na próxima ronda o HC Braga recebe o HA Cambra e a AA Espinho joga em Paços de Ferreira.

JRamalho
Estivemos á conversa com João Ramalho, que este ano se transferiu para o CS Candelária, depois de no ano passado, o seu primeiro ano sénior, ter representado o CH Carvalhos. Quisemos saber como define a temporada anterior e como perspetiva esta nova etapa na sua carreira.

PLR: A temporada passada para o CH Carvalhos, onde estavas, não foi fácil mas conseguiram a manutenção. Como descreves a tua primeira temporada como sénior?
João Ramalho (JR): Como já tinha referido na entrevista que me fizeram no início da época passada o objetivo era ajudar o Clube Hóquei dos Carvalhos na manutenção. Embora sabendo que ia ser difícil, sempre acreditei que, com muito esforço, muito empenho e a preciosa ajuda da massa adepta íamos conseguir o meu objetivo pessoal que era necessariamente o objetivo de todos. A nível pessoal considero que foi uma época de aprendizagem, em que me adaptei bem e que dei o meu contributo para a manutenção.

PLR: Este ano mudaste para o Candelária, num projeto constituído por algumas caras novas. Quais os vossos objetivos?
JR: O Candelária este ano decidiu apostar na renovação do plantel adicionando aos elementos muito experientes, outros mais jovens, onde me incluo. Achei um projeto necessário para a contínua evolução do meu percurso como atleta e como tal aceitei o convite. Este ano o objetivo é qualificarmos novamente para as competições europeias e melhorar a classificação da época anterior.

PLR: Durante alguns anos o Candelária andou na luta pelos 4 primeiros lugares. Na temporada anterior já não foi bem assim. Como julgas que será este ano?
JR: O Candelária face aos atletas que o representam tem necessariamente de lutar por um lugar que honre o historial do clube. No entanto temos que referir que a insularidade tem alguns custos, nomeadamente a falta de competição para iniciarmos o campeonato com alguma rodagem. Mas penso que com muito trabalho podemos atingir os objetivos a que nos propusemos.

PLR: Como te correu a nível pessoal a temporada anterior?
JR: A época correu-me bastante bem, cumpri os meus objetivos pessoais, que passavam em ajudar o CH Carvalhos a conseguir a manutenção.

PLR: O que esperas, a nível pessoa para este novo desafio?
JR: A nível pessoal tenho os meus objetivos traçados e que passa necessariamente por evoluir e atingir degrau a degrau o meu sonho. Para isso trabalho todos os dias com empenho e dedicação para que, no final da época me sinta realizado com o meu desempenho e que passa por trabalhar com a equipa na tentativa de melhorar a classificação do ano anterior.

PLR: Que projetos e desejos tens para o futuro?
JR: Como qualquer atleta tenho sonhos. Neste momento estou no Candelária, clube que me acolheu muito bem, com um grupo de jogadores muito unidos, e tenho o desejo de continuar a evoluir para que mais tarde possa atingir os meus sonhos, que passam por ser campeão nacional e representar a seleção ao mais alto nível.

Fonte: Facebook João Ramalho

aefd-ajs

AE Física D – AJ Salesiana 3-1

A Física de Torres Vedras bateu nesta quarta-feira a AJ Salesiana por 3-1 em jogo em atraso referente à 1.ª jornada do Nacional da 2.ª Divisão- Sul.
Numa partida com sinal mais da equipa orientada por André Gil, foi mesmo a formação da casa a adiantar-se no marcador por intermédio de Carlos Godinho e Maurício Farinha, colocando a AE Física a vencer por 2-0. A equipa da Salesiana reduziria entretanto a poucos segundos do final da primeira parte na transformação de uma GP a castigar uma falta dentro da área defendida por Pedro Chambel.
Na segunda metade manteve-se o domínio da formação de Torres Vedras com a equipa de Luís Costa Duarte a defender muito bem e a tentar em contra ataque chegar à baliza da Física.
Embora com mais posse de bola a finalização, contrariamente àquilo que aconteceu no jogo do passado Sábado frente à BIR não foi tão eficiente, umas vezes por culpa da defesa da Salesiana, outras por inépcia dos atacantes da formação torreense, o certo é que nesta segunda metade a equipa de André Gil apenas conseguiria fazer mais um golo, por intermédio de João Lima.
Triunfo justo da equipa da AE Física que com esta vitória junta-se ao SC Tomar, HC Sintra, HCP Grândola e AD Oeiras no segundo lugar desta zona sul da divisão secundária.

Resultado: http://www.plurisports.com/geral/index.php/pt/res-2div-norte

Classificação Geral: http://www.plurisports.com/geral/index.php/pt/2014-07-23-02-24-35

PortugalAlemanha

Portugal entrou em campo hoje, para disputar a 3.ª Jornada do Grupo A, do Campeonato Europeu de Sub20, que decorre em Valongo, sabendo que apenas a vitória lhe daria o 1.º lugar do grupo e a possibilidade de ter adversários teoricamente mais acessíveis até à final e evitando a Espanha, que ficou em 1.º lugar do Grupo B. Assim foi, com a Seleção portuguesa a vencer a Alemanha por 7-0. A equipa portuguesa entrou bem na partida, confiante e colocando em campo toda a sua qualidade, portanto com naturalidade Xavier Cardoso abriu o ativo, com apenas 1’30’’ de jogo, fazendo o 1-0. A toada continuou e adivinhava-se novo golo, com André Gaspar a marcar, aos 8’, fazendo o 2-0. Com este golo, Portugal abrandou e a Alemanha também conseguiu aguentar bem as investidas portuguesas, com o intervalo a chegar entretanto. A 2.ª parte abriu como começou a 1.ª e Álvaro Morais faz o 3-0, com apenas 2’ de jogo, e novamente o mesmo “Alvarinho” a aumentar para 4-0, com 7’ minutos jogados nesta 2.ª metade. O domínio português mantinha-se e a Alemanha ia defendendo como podia, mas a 6’ do final, Diogo Seixas aumentou para 5-0, para passados 2’, João Campelo aumentar para 6-0, de grande penalidade. A partida não acabaria sem antes João Campelo voltar a marcar e novamente de penalti, deixando no ar a ideia de as oportunidades de bola parada, falhadas ontem, não se voltarão a repetir, fazendo o 7-0 final, com que Portugal selou a vitória. Com esta vitória, Portugal irá defrontar amanhã a Seleção da Suíça Sub20, pelas 20h45.

Portugal 7-0 Alemanha
Portugal Sub20
Eduardo Leitão (Gr), Luís Melo, Xavier Cardoso (1), Miguel Vieira, André Gaspar (1), João Almeida, João Campelo (2), Diogo Seixas (1), Álvaro Morais (2), Diogo Fernandes (Gr).
Treinador: Luís Duarte

Alemanha Sub20
Luca Brandt (Gr), Leif Johansson, Reik Johansson, Sebastian Haas, Yannick Lukassen, Luis Hage, Sebastian Rath, Niklas Nohlen, Tarek Abdalla, Fynn Hilbert (Gr).
Treinador: Jordi Molet

Resultados

Classificação

Foto: CERH/Marzia Cattini