a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

1.ª D- Girão negou a ...

Terça-feira , Out 22 2019
261

3.ª D- Sul- Boliqueime ...

Terça-feira , Out 22 2019
84

3.ª D- Centro- Juventude ...

Terça-feira , Out 22 2019
114

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
57427

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
25377

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
20229

André Martins (HC ...

Sexta-feira , Abr 08 2016
1168

1.ª Div: FC Porto impôs ...

Sábado , Jan 20 2018
666

Hugo Montenegro regressa ...

Sexta-feira , Jun 17 2016
920

interioresinteriores

71140469 10157460415143490 6888667508836925440 o

O HC Turquel foi o vencedor da 4.ª edição da “Golden Cup” que se realizou no Pavilhão “Fernando Lopes Graça entre a passada sexta feira e este domingo, ao vencer na final o HC “Os Tigres” por 3-1.
Com a excelente organização do Parede FC, este Torneio, já uma referencia de pré-época no que toca a eventos de preparação das equipas para as provas oficiais que se aproximam a passos largos, mais uma vez não defraudou as expectativas com as equipas presentes (4 da 1.ª divisão e outras tantas do campeonato secundário) a darem ao muito público presente, excelentes jogos de hóquei e na maioria deles com o resultado a estar em suspense até ao fim, sinal da qualidade das formações ali presentes.
Foram mais fortes, ou pelo menos mais assertivas, o HC Turquel e o HC “Os Tigres” que chegaram à final na luta pelo troféu em disputa.
Aí a equipa do Prof. João Simões, fruto da maior maturidade e maior experiência nestes ambientes, por parte do conjunto de atletas que compõem o plantel dos “alvinegros” acabou por ser decisivo nas contas finais do encontro com os “Brutus dos Queixos” a vencerem por 3-1.
Ao intervalo a equipa de Turquel vencia por 2-0, com golos de Xavier Lourenço e Vasco Luís. A formação ribatejana reduziria já na etapa complementar por intermédio de João Maló, mas a dois minutos do términus do encontro, Zé Costa a fechar o placar ao colocar o HC Turquel a vencer por 3-1.
Ficam as memórias de três dias de competição, com 12 jogos que proporcionaram bons momentos, e agora, encerrada a pré-época, vem a parte dura da temporada, com os campeonatos nacionais a arrancarem no próximo fim de semana, com cada uma das equipas, a ter objectivos para concretizar, que durante sensivelmente oito meses vão procurar alcança-los.

Resultados

HC Turquel - Parede FC 7-5
CD Paço Arcos – Candelária SC 3-0
HC “Os Tigres” – AD Oeiras 4-0
AD Valongo – SC Marinhense 5-1

Parede FC - Candelária SC 4-3
HC Turquel – CD Paço Arcos 4-3 GP (1-1 no final do tempo regulamentar)
AD Oeiras - SC Marinhense 4-3
HC “Os Tigres” - AD Valongo 5-4

7.º/8.º Lugar
Candelária SC – SC Marinhense 6-5
5.º/6.º Lugar
Parede FC – AD Oeiras 4-1
3.º/4.º Lugar
CD Paço Arcos – AD Valongo 2-6
1.º/2.º Lugar
HC Turquel – HC “Os Tigres” 3-1

Foto- HC Turquel (Arquivo)

Domingo

71747962 2502495786652411 8811197172352548864 n

A equipa do SL benfica venceu no final da manhã de domingo o CP Manlleu por 3-2, conquistando a edição 2019 da Eurockey Cup em Sub-17, repetindo assim o título que venceu na edição anterior, tornando-se o primeiro Clube a somar dois troféus nesta prova de sub-17, que se organiza em Espanha anualmente.
Frente a frente os dois campeões ibéricos (SL Benfica em Portugal e CP Manlleu em Espanha) foi a formação lusa a inaugurar o marcador por José Miranda aos 6 minutos.
A equipa espanhola chegou ao empate aos 15 minutos por Pol Auguet mas a resposta encarnada foi célere com José Miranda a colocar novamente a formação encarnada em vantagem, ainda antes do intervalo.
Num jogo pautado pelo equilíbrio, o Benfica foi gerindo a vantagem que dispunha e chega mesmo ao 3-1 por Lucas Santos, de LD corria o minuto 7 da etapa complementar. A formação do Manlleu ainda reduziu por Roger Cordinach, dois minutos depois, mas até final a formação de “Kiko” Mascarenhas a conseguir segurar a magra vantagem e vencer esta final que lhe garantiu o troféu em causa, numa prova onde estão as melhores formações europeias deste escalão.

Foto- Marzia Cattini

Domingo

rgeb

O treinador da Oliveirense, Renato Garrido, deixou críticas à arbitragem da Supertaça.
Jogo: "Foi um excelente jogo, em que o FC Porto estava a ter o mérito de vencer, e atenção que não coloco em causa o mérito de vencer, porque foram mais eficazes do que nós nas bolas paradas".
Cartão azul: "Temos um lance de detalhe, em que o nosso jogador é mal advertido com um cartão azul (a 1.33 minutos do final), e muda o jogo todo".
Arbitragem: "Esta dupla é uma das melhores de arbitragem nacional e internacional, mas hoje tiveram vários erros. O problema é que erram sempre contra nós. As pessoas vão ter de contar connosco na luta pelo campeonato nacional e em todos os troféus. Não somos superiores nem inferiores a ninguém, mas, se isto for de igual para igual, batemo-nos com qualquer equipa".

Fonte/Foto- Jornal “O Jogo”

Domingo

71040328 2890604620968021 3522134239422185472 o

Depois de dois dias de competição, com excelentes jogos e boa moldura humana, a 4.ª edição do Golden Cup, que o Parede FC está a realizar entra no ultima dia com o HC Turquel e HC “Os Tigres” a discutirem o troféu em causa.
O HC Turquel nas meias finais conseguiu superiorizar-se ao CD Paços Arcos por 4-3 após grandes penalidades, depois de u empate a 1 bola no final do tempo regulamentar.
O HC “Os Tigres” voltou a suplantar a AD Valongo (já o tinha feito no Torneio “Dr. Joaquim Guerra”, em Turquel) numa partida onde a equipa de Viterbo até vencia por 3-1 ao intervalo. No entanto a irreverência da juventude da formação ribatejana acabaria por ser decisiva na segunda parte, conseguindo fazer a remontada e vencer por 5-4.
Este domingo disputa-se a partir das 10H00 os jogos para apuramento das classificações finais com o Candelária SC a defrontar o SC Marinhense para o 7.º8.º lugar.
Às 12H00 será a vez do Parede FC enfrentar o AD Oeiras para o 5.º/6.º lugar.
Da parte da tarde joga-se o apuramento do 3.º 4.º lugar entre o CD Paço Arcos e AD Valongo e por fim a final entre o Turquel e Tigres.

Resultados

HC Turquel - Parede FC 7-5
CD Paço Arcos – Candelária SC 3-0
HC “Os Tigres” – AD Oeiras 4-0
AD Valongo – SC Marinhense 5-1

Parede FC - Candelária SC 4-3
HC Turquel – CD Paço Arcos 4-3 GP (1-1 no final do tempo regulamentar)
AD Oeiras - SC Marinhense 4-3
HC “Os Tigres” - AD Valongo 5-4

7.º/8.º Lugar
Candelária SC – SC Marinhense
5.º/6.º Lugar
Parede FC – AD Oeiras
3.º/4.º Lugar
CD Paço Arcos – AD Valongo
1.º/2.º Lugar
HC Turquel – HC “Os Tigres”

Domingo

20191005 06 ALC BEN 34

A equipa de Sub-17 do SL benfica vai disputar este domingo a final do Eurockey Cup 2019 depois de ter vencido nas meias finais a equipa de Madrid do CP Alcobendas por 8-2 e onde a figura de destaque foi Bernardo Ramalho, autor de 5 dos golos da formação orientada por Frederico Mascarenhas.
Este Domingo a formação encarnada terá como opositor a formação do CP Manlleu que levou de vencida, nas grandes penalidades o FC Barcelona por 5-4 (depois de um empate a 4 bolas no final do tempo regulamentar).
A formação lusa depois de ter vencido o grupo D na fase inicial da prova, defrontou nos quartos de final o FC Porto (que terminou no segundo posto do Grupo C), tendo vencido por 4-2 e ao final deste sábado carimbou a presença na final ao vencer de forma concludente o Alcobendas por 8-2.
A equipa do SL Benfica, atual detentora do troféu (venceu a edição de 2018, após derrotar na final o Sporting CP por 6-1) terá pela frente o Manlleu, habitualmente na luta pelos lugares cimeiros desta competição de sub-17.
Quanto às outras equipas lusas presentes nesta edição do Eurockey Cup, o Sporting CP terminou na 5.ª posição após vencer o Hockey Roller Scandiano por 4-0, o FC Porto no 7.º lugar depois de ter derrotado o Follonica Hockey por 4-1 e o Famalicense AC terminou a sua participação nest aprova na 11.ª posição ao derrotar o ECU RHC (de Inglaterra) por 1-0.

Foto/ Fonte – eurockey.info

Sábado

img 920x5182018 11 03 21 42 23 1468086

No final da partida que opôs o FC Porto à UD Oliveirense, referente à Supertaça “António Livramento-2019”, que os Dragões venceram por 6-4, somando a quarta Supertaça consecutiva e 23.ª no historial da prova, o técnico espanhol mostrava-se sereno mas ao mesmo tempo satisfeito com a equipa que orienta.
“Merecíamos ir a vencer para o intervalo, mas a Oliveirense aproveitou bem as oportunidades que teve. Na segunda parte marcámos mais golos e acabámos por ser superiores. A Oliveirense fez um grande jogo, mas acho que fomos melhores e somos justos vencedores. O importante é que a equipa continue a lutar por títulos. Queremos estar sempre perto de vencer títulos e queremos ganhar tudo, mas temos adversários de grande nível. Continuamos a ser uma equipa supercompetitiva e com um hóquei bonito”, afirmou o treinador Guillem Cabestany, no final da partida.

Fonte FC Porto

Sábado

paulo almeida plegamans new

O treinador do SL Benfica era um técnico satisfeito no final da partida referente à Supertaça, que as Águias venceram por 4-0 o CACO, a sétima consecutiva por parte da equipa encarnada.
"O Benfica foi superior durante toda a partida. Estou satisfeito por mais uma conquista, mais uma Supertaça, mas não vou satisfeito para casa porque falhámos muito no capítulo da finalização. Nós só corremos para um lugar, que é o primeiro, para ganharmos competições. A mística do Benfica é ganhar e as jogadoras fazem isso na perfeição. Além de conquistarmos todas estas competições, esta equipa não perde um jogo há seis anos."

Fonte- SL Benfica

Sábado

fcpst

O FC Porto Fidelidade venceu este sábado a Oliveirense (6-4), no Pavilhão Dr. Mário Mexia, em Coimbra, conquistando assim a 23.ª Supertaça António Livramento da história do hóquei em patins azul e branco.
Os campeões nacionais entraram melhor no encontro mas foi a Oliveirense a marcar primeiro, por intermédio de Jorge Silva, logo aos dois minutos. A reação portista não se fez esperar e, num lance algo confuso, Rafa voltou a deixar tudo igual (9m). Da marca de grande penalidade, Sergi Miras consumou a reviravolta portista (16m), mas o compatriota Marc Torra atirou a contar para o 2-2 já perto do intervalo (24m).
Tal como na primeira parte, foi a Oliveirense a marcar primeiro na etapa complementar, através de Marc Torra (31m), mas Sergi Miras fez o 3-3 num remate indefensável para o ex-Dragão Nélson Filipe (35m). Na marcação do livre direto que castigou a décima falta da equipa de Oliveira de Azeméis, Giulio Cocco fez o 4-3 com grande categoria e assinou nova reviravolta dos azuis e brancos (40m).
Com dez minutos para jogar, o FC Porto Fidelidade manteve-se seguro perante uma Oliveirense sempre perigosa, mas o guardião portista ia dando conta do recado, anulando as situações mais perigosas da equipa de Garrido.
A um minuto de terminar a partida, Gonçalo Alves aumenta a vantagem do FC Porto (5-3), de grande penalidade, depois de uma falta de Jorge Silva sobre Carlo Di Benedetto. Segundos depois, Gonçalo Alves bisa e aumenta para seis o número de golos dos dragões (6-3). Marc Torra ainda marca a faltar 20 segundos para o final da partida (6-4), mas já não foi o suficiente para dar a volta ao resultado, numa ponta final extremamente intensa e com muita adrenalina de parte a parte.

Foto- Jornal "O Jogo"/Paulo Novais * Fonte- FC Porto

ok Training

A "Escola OK Training" está já a funcionar, continuando sob a responsabilidade dos Treinadores Jorge Ferreira e Tiago Pacheco
Decorrendo nas instalações do CLUBE INFANTE DE SAGRES esta será certamente uma grande oportunidade para melhorares na tua modalidade preferida!!!

Mais informações:
Jorge Ferreira ± This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. ± 919991705
Tiago Pacheco ± This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. ± 913328004


Na temporada anterior passaram pelas aulas 34 atletas dos mais variados clubes e certamente este ano não será diferente!

hoquei feminino festejos taca new

A Supertaça feminina de hóquei em patins entre Benfica e Campo de Ourique disputada no Pavilhão Mário Mexia, em Coimbra, terminou com nova conquista e uma goleada de 4-0 favorecendo a equipa encarnada.

As heptacampeãs nacionais já tinham derrotado este mesmo emblema na Taça de Portugal na época passada por 9-1.

No encontro deste sábado, Marta Piquero, internacional por Espanha, marcou o golo inicial, Marlene Sousa fez o segundo, Piquero voltou a marcar o terceiro, e Marlene Sousa fixou o resultado final em 4-0.

O clube da luz aumenta para 21 o número total de títulos alcançados.

Foto/Fonte:SLBenfica.pt / Abola.pt