a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

FC Porto vence Deportivo ...

sexta , Ago. 19 2022
1

Águias vencem OC ...

sexta , Ago. 19 2022
3

Frederico Mascarenhas ...

sexta , Ago. 19 2022
3

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
62225

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
31095

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
25236

CE- Portugal soma ...

quarta , Out. 13 2021
314

Portugal brilhante ...

segunda , Jul. 28 2014
3396

TP- Resumo SL Benfica- C ...

segunda , Jul. 12 2021
648

Curso Unhas de Gel Profissional 25h ed

anahp

COMUNICADO

Vem esta Associação de classe, repudiar veemente, o comunicado publicado hoje dia 4 de Novembro de 2014, pelo C.P.Sobreira na página do facebook do Clube, assim como em alguns órgãos de comunicação social.

"Por consideramos este comunicado, lesivo ao bom nome do arbitro Srº António Julio Teixeira, pondo em causa a sua idoneidade , vai esta associação, apresentar uma queixa do Conselho de Disciplina da FPP, para que o mesmo instaure um inquérito, no sentido de que sejam apresentadas provas, que suportem as afirmações colocadas, no comunicado do C.P.Sobreira.

Não podemos permitir, que quem quer seja, venha a publico colocar a honra das pessoas em causa, limitando-se a fazer meras conjecturas, como se pode verificar, no comunicado do C.P.Sobreira.

Esperamos que o C.D. da FPP, faça todas as diligências necessárias, no sentido de se apurar os factos apresentados, no comunicado C.P.Sobreira, assim como, exigimos que os prevaricadores, sejam responsabilizados e castigados, para que situações destas não se repitam no futuro.

E para terminar, e não querendo por em causa o direito de opção de cada um de fazer o que é o mais correto no seu ponto de vista, lembramos na nossa modalidade, existem instituições para ondem os clubes devem recorrer, quando se sentem injustiçados, que são, o Conselho de Arbitragem, e quando se tem provas fundamentas, o Conselho de Disciplina, e não na praça pública".

A Direção da Anahp