a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Ângelo Girão- “Este ...

segunda , maio 17 2021
106

CNF- Leoas golearam CA ...

segunda , maio 17 2021
71

Governo felicita ...

segunda , maio 17 2021
62

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
60255

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
28232

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
22615

2.ª D- Sul- “Hat Trick” ...

segunda , Out. 24 2016
2123

Tó Neves está de ...

quinta , Dez. 17 2020
407

Riba d’Ave HC prepara IV ...

terça , maio 26 2015
1295

Tecnicomassagem cartaz

2.ªDivZonaNorte

Disputou-se este fim de semana a 16.ª Jornada do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão – Zona Norte, com algumas surpresas à mistura, em mais uma ronda emocionante de jogos. Destaque para a vitória do Riba d’Ave HC, que quebrou uma série de 9 jogos sem perder por parte da Juv. Pacense, para a vitória por 4-3 da AA Espinho frente ao Valença HC e para a vitória da ACR Gulpilhares, que já não vencia há 11 jogos!

Riba d’Ave HC 5-4 Juv. Pacense
Em Riba d’Ave houve uma partida muito interessante, com o RAHC a surpreender a Juv. Pacense, vencendo por 5-4. O Riba d’Ave, com golos de Ricardo Lopes (2), Vítor Hugo, André Alves e Raúl Meca, conseguiu assim surpreender a Juv. Pacense, parando uma série de 9 jogos sem perder por parte da equipa da capital do móvel. Com esta vitória o Riba d’Ave subiu ao 5.º lugar, beneficiando da derrota do Valença frente à AA Espinho, somando agora 28 pontos, enquanto a Juv. Pacense perdeu a oportunidade de se manter na liderança, ficando com os mesmos 31 pontos.

HC Mealhada 5-10 HC Braga
Na Mealhada, houve vitória do HC Braga, com a equipa de Vítor Silva a conquistar três importantes pontos, fora de portas, num terreno sempre difícil de visitar. Numa partida com 15 golos marcados, o HC Braga foi mais forte e com uma entrada forte, conseguiu estar a vencer por 0-3. O HC Mealhada ainda reagiu conseguindo chegar ao 3-4, mas os bracarenses foram mais fortes e acabaram por vencer por 5-10, somando agora 23 pontos, que valem o 7.º lugar da classificação, enquanto o HC Mealhada se mantém no último posto da classificação, com apenas 4 pontos conquistados.

Famalicense AC 4-3 CD Cucujães
No Pavilhão do FAC, houve emoção até final, com a equipa da casa a conseguir uma importante e suada vitória por 4-3 frente ao CD Cucujães, que apesar da derrota parece estar a passar por um período bem melhor, com exibições mais consistentes. Foi a equipa da casa a começar melhor, com Chumbinho a dar uma vantagem de dois golos ao FAC. O CDC reagiu por Gonçalo Tavares que reduziu para 2-1, mas ainda antes do intervalo, “Kika” aumentou para 3-1. Na segunda parte “Kika” aumentou para 4-1 e parecia que a partida estava resolvida, mas o Cucujães não desistiu e dois golos de Miguel Oliveira colocaram o resultado em 4-3, com a incerteza sobre o vencedor a reinar até aos instantes finais. Com esta vitória, a equipa de Fernando Almeida consolidou a 9.ª posição, somando agora 22 pontos, enquanto o CD Cucujães mantém o 11.º lugar com 15 pontos.

CI Sagres 5-2 GDC Fânzeres
O Infante Sagres recebeu e venceu o GDC Fânzeres por 5-2, numa partida importante para a equipa de Paulo Castanheira continuar na perseguição ao 1.º lugar, somando agora 32 pontos e mantendo a distância de dois pontos para a AA Espinho, que voltou a vencer e não deixou o 1.º lugar. Nesta partida o jogo foi tudo menos fácil, com o CIS a ter que trabalhar muito para conseguir conquistar os três pontos, num duelo que este sempre muito equilibrado até a 10 minutos do final, com o Infante a consolidar a vantagem e vencer o encontro por 5-2. Tomás Castanheira esteve em evidência com dois golos apontados, assim como Jorge Vieira com outros tantos e Tiago Pinheiro a fechar a contagem. Pelo Fânzeres foram Rafael Lopes e João Truta a marcar. Atualmente o GDC Fânzeres segue na 13.ª posição, com 11 pontos, enquanto a equipa do CIS mantém o 2.º posto.

AA Espinho 4-2 Valença HC
Em Espinho houve jogo emotivo, com a equipa da casa a conseguir vencer e manter a liderança, com o marcador a registar 4-2 no final do encontro. Numa partida importante para ambos os conjuntos, a AAE foi mais forte e com 2 golos de Frederico Saraiva e outros dois de António Cruz conseguiu vencer e somar 3 importantes pontos na luta pela subida à 1.ª Divisão, somando agora 34 pontos, fruto de 11 vitórias, 1 empate e 3 derrotas. Já o Valença, com dois golos de Hélder Martins não conseguiu somar pontos e com esta derrota caiu para a 6.ª posição, com 28 pontos.

HA Cambra 6-2 CRPF Lavra
Em Vale de Cambra, o HA Cambra foi mais forte e venceu por 6-2, com golos de Daniel Bastos (2), Álvaro Pinto, Eduardo Brás, “Rato”, Nuno Maia e “Piolho”, numa partida que fica marcada pela expulsão do treinador Ricardo Geitoeira, que numa entrada mais intempestiva de Diogo Ribeiro do CRPF Lavra teve uma reação descontrolada, acabando expulso. Ainda assim, o destaque vai naturalmente para o jogo jogado, com o HA Cambra a conseguir vencer, novamente, frente ao CRPF Lavra, desta feita por 6-2, somando agora 31 pontos, que lhe dão o 3.º lugar da classificação. Já o CRPF Lavra, a atravessar um período menos positivo, segue na 7.ª posição, com 23 pontos.

ACR Gulpilhares 4-2 HC Marco
Em Gulpilhares foi um dia bom para a equipa da casa, que voltou a vencer, passados 11 jogos, tendo recebido e vencido o HC Marco por 4-2. Numa partida importante para ambas as equipas, que lutam arduamente pela manutenção, a equipa da casa foi mais forte e venceu, com golos de Gonçalo Ouro, João Santos e Tiago Silva (2), enquanto pelos visitantes marcaram Ivan Silva e João Tavares. Com esta vitória a ACR Gulpilhares mantém a penúltima posição da classificação, mas agora com 11 pontos, a apenas um do HC Marco, que segue na 12.ª posição, a primeira fora da zona de despromoção à 3.ª Divisão.

Resultados

Classificação