a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Pedro Henriques- “Voltar ...

sexta , Jan. 15 2021
42

“Poka”- “Sabemos o que ...

sexta , Jan. 15 2021
54

Nomeações de 16 a 20 de ...

sexta , Jan. 15 2021
173

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
59888

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
27830

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
22190

Tojal vence Torneio ...

terça , Set. 16 2014
2587

Pedro Gil- “dar tudo em ...

quinta , Jan. 17 2019
547

Seleção OVF entra a ...

sexta , Dez. 20 2019
593

janeiro Pluriform 2

CambraGulpi2

A ACR Gulpilhares empatou hoje a 6 bolas frente ao HA Cambra, em jogo da 28.ª Jornada do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão – Zona Norte. Apesar de a ACR Gulpilhares ter assim somado um ponto, não evitou a descida de divisão, estando consumada a queda para a 3.ª Divisão. Já o HA Cambra, com este empate, mantém o 1.º lugar, agora com 4 pontos de vantagem sobre a AA Espinho, que folgou nesta ronda.
A ACR Gulpilhares entrou bem melhor no encontro e logo aos 2’, Tiago Silva fez o 1-0 de grande penalidade, voltando a marcar aos 8’, deixando a equipa da casa a vencer por 2-0. Seguiu-se a reação do Cambra e Ricardo Ramos reduziu para 2-1, logo no mesmo minuto, mas o Gulpilhares estava bem no encontro e até ao intervalo ainda conseguiu aumentar. O mesmo Tiago Silva fez “hat-trick” aos 15’, aumentando para 3-1, deixando o Gulpilhares com uma margem de dois golos, mas antes do intervalo ainda houve tempo para mais dois golos. Primeiro Diogo Silva aumentou para 4-1, mas novamente no mesmo minuto Ricardo Ramos reduziu para 4-2, fixando o resultado ao intervalo. Na 2.ª parte o Cambra entrou com outra dinâmica e João Marques reduziu para 4-3 aos 9’, para aos 17’ Eduardo Brás marcar o 4-4, deixando tudo empatado para a parte final do encontro. Tiago Silva estava endiabrado nesta partida e fez o 5-4, fazendo “poker”, mas João Marques voltou a empatar a 3’ do final, na cobrança de livre direto a castigar a 15.ª falta da ACR Gulpilhares. Já no último minuto, Gonçalo Ouro faz o 6-5, de livre direto a castigar a 10.ª falta do Cambra, mas quando se pensava que a vitória já não fugiria ao Gulpilhares, eis que Dani Bastos consegue o empate, a escassos 2’’ do final, devastando todas as expetativas do Gulpilhares, que com este resultado fica matematicamente despromovido à 3.ª Divisão Nacional, juntamente com o HC Mealhada, faltando saber quem será a equipa que os acompanhará, a decidir entre o GDC Fânzeres, HC Marco e CD Cucujães.

Resultados

Classificação