a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Barcelos canta de Galo

quarta , Nov. 20 2019
24

AD Sanjoanense empata ...

quarta , Nov. 20 2019
29

Braga trava Benfica

quarta , Nov. 20 2019
15

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
57608

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
25534

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
20345

3.ª D- Zona D- “Manita” ...

segunda , Abr. 10 2017
1023

Alemanha já tem a sua ...

quarta , Out. 01 2014
2807

Famalicense AC inicia ...

domingo , Set. 27 2015
1047

interioresinteriores

11009841 392080624314782 4010681034756064334 n

Moçambique – Chile 8-4

Moçambique voltou a igualar a classificação do último mundial realizado em Angola, ao obter o 7.º posto, após a vitória sobre o Chile por 8-4.
Partida movimentada e equilibrada, mas que teve em Nuno Araújo o Homem do jogo ao apontar quatro dos golos da formação moçambicana acabando por ser decisivo no triunfo ao final desta partida que decidia o 7.º e o 8.º lugar.
A vencer por 3-2 ao intervalo a formação africana aumentou para 4-2, logo aos dois minutos, com um golo de “Marinho”, mas viu o conjunto chileno reduzir por intermédio de Armando Quintanilha de GP aos nove minutos. Nova resposta dos “Mambas”, e novamente por “Marinho” a repor a diferença de dois golos. Com o jogo a mostrar um grande equilíbrio, seria novamente o Chile a reduzir para 5-4 por Nicolas Fernandez na marcação de um LD a castigar a 10.ª falta de equipa de Moçambique.
Seria então tempo de aparecer Nuno Araújo que de assentada apontou dois golos num minuto (aos 16 e 17 minutos), com “Fred” Saraiva a fechar as contas ao apontar o 8-4 com que terminou a partida.
O Chile que na edição anterior do Mundial tinha ficado na quarta posição (perdeu com Portugal, no jogo de atribuição do 3.º / 4.º lugar), a fazer um campeonato abaixo das expectativas que a formação orientada por Mauricio LLera tinha perspectivado para este mundial.
Quanto ao conjunto de Pedro Nunes, que vinha com “ganas” de tentar repetir o feito de San Juan onde terminou no quarto lugar, tambá a acabar perder essa oportunidade, mas a não beliscar, minimamente, a sua prestação nesta 42.ª edição do Mundial de Hóquei em Patins.

workshops para rodapé Noticias ExtensãodeCabelo