a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

"Vencer e fazer sempre ...

quinta , Jan. 27 2022
12

“Rafa”- “Se fizermos as ...

quinta , Jan. 27 2022
12

Sorteio da Taça ...

quinta , Jan. 27 2022
18

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
61648

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
30171

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
24463

2.ª Sul- Candelária ...

terça , Jan. 18 2022
40

Bruno Teixeira reforça ...

sábado , Ago. 04 2018
1313

3.ª Divisão- Centro- ...

quinta , Jan. 07 2016
1532

3 Cabeleireiro Inicial

Terronia

RogerSousaBraga

Roger Sousa, atualmente com 38 anos, representa o HC Braga, demonstrando a muitos que a experiência tem um valor inquestionável. Sempre lutador e determinado, Roger é um dos bons exemplos do hóquei em patins português de um jogador que conseguiu manter-se ao longo das várias temporadas numa condição invejável, sempre muito útil para as equipas que representou. Agora, numa fase mais adiantada da carreira, deixa o desejo de "ficar ligado ao hóquei para sempre".
Quando questionado sobre a atual temporada do HC Braga, Roger pensa que “a época podia estar a correr um bocadinho melhor, pois poderíamos ter mais 6 pontos.” Ainda assim, sempre ciente de que o caminho a percorrer pelo HC Braga ainda é longo, “a equipa sabe que é um campeonato muito difícil e equilibrado, mas trabalhamos diariamente muito bem e com exigência!”
Quanto aos objetivos do clube, diz que “passam por fazer um campeonato tranquilo e garantir a permanência o mais rápido possível.”
Quando questionado sobre a sua carreira, Roger espera “ter prazer e continuar a ser feliz a jogar hóquei em patins”. Com um percurso interessante, Roger diz que “apesar de não ser um percurso brilhante, foi bonito, onde tive oportunidade de jogar com os melhores do mundo e contra eles, em excelentes equipas”. Como maior recordação aponta a conquista da Taça CERS pelo CD Paço de Arcos em 1999/2000, bem como a vitória num Europeu de Juvenis e outro de Juniores. Sobre a final da Taça CERS, em Voltrega, aponta “um ambiente incrível, onde tivemos receio, embora tivéssemos trazido uma vantagem de 6 golos de Paço de Arcos”.
Para finalizar e após 34 anos ligados ao hóquei em patins, Roger espera “continuar a ter prazer em jogar e as pessoas acreditarem em mim e no meu trabalho”.

Foto: Facebook Roger Sousa

workshops para rodapé Noticias AutoEpilação