a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Gonçalo Alves- “Os ...

sexta , Nov. 22 2019
59

Marlene Sousa- “O foco é ...

sexta , Nov. 22 2019
46

Portugal vai receber ...

sexta , Nov. 22 2019
362

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
57625

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
25550

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
20352

3.ª D- Ap. Campeão- OC ...

domingo , Jun. 07 2015
1070

Xanoca continua em Tomar

terça , maio 07 2019
357

Samuel Lima renova pela ...

sexta , Ago. 10 2018
535

interioresinteriores

 TM09639

Lisboa levou a melhor sobre o Ribatejo no Interassociativo de Carnaval ao vencer por 2-1 na final realizada ao principio da noite desta terça feira no “Jácome Ratton” em Tomar.
Na atribuição do 3.º/4.º lugar Coimbra a ser mais eficaz que o seleccionado de Leiria a quem venceu por 3-2.
Aproveitando a realização do Torneio a AP Ribatejo convidou a Selecção de Coimbra em Sub-13, para uma partida frente ao conjunto ribatejano do mesmo escalão com a equipa visitante a vencer por 4-2.

Final – AP Lisboa – AP Ribatejo 2-1

A equipa “Alfacinha” confirmou nos trinta minutos de jogo o seu favoritismo ao vencer por 2-1 a formação ribatejana. Depois do triunfo em Boliqueime, aquando do Torneio de Natal organizado pela AP Alentejo, sobre o Ribatejo por 5-1, o conjunto orientado pela dupla Nuno Henriques/Carlos Santos voltou a vincar a sua superioridade sobre a equipa do Ribatejo.
Primeira parte de domínio evidente da equipa de Lisboa que ao intervalo vencia por 2-0. A mandar desde cedo na partida, Lisboa obrigou a equipa ribatejana a defender no seu meio rinque, criando oportunidades constantes que por isto ou por aquilo foram sendo anuladas. Mas fortes em termos colectivos e individuais, o resultado ao intervalo era lisonjeiro para o conjunto ribatejano.
Segunda parte a manter-se a tendência, mas avarias alterações na equipa alfacinha, aliado a um abrandamento do seu jogo, permitiu ao Ribatejo reduzir para 2-1.
Triunfo sem contestação de Lisboa que deixou expresso, ser uma candidata a lutar pelo título do Inter-regiões.
Os golos foram apontados por Paolo Dias e Miguel Fortunato por parte de Lisboa com Miguel Borga a assinar o tento ribatejano.

Atribuição do 3.º/4.º lugar

AP Leiria – AP Coimbra 2-3 TM09425

Coimbra depois da boa prestação na parte da manhã frente ao seleccionado ribatejano com quem perdeu apenas no prolongamento e por golo de ouro, voltou a confirmar pela tarde ter um conjunto interessante e que poderá ser uma agradável surpresa no inter-regiões a realizar nos Açores dentro de sensivelmente um mês.
Primeira parte de maior domínio do conjunto de Coimbra, que provocou estragos no último reduto leiriense, com o resultado ao intervalo a registar 2-1 para a equipa de Coimbra.
Duas equipas que procuravam vencer, mas Coimbra quase sempre superior à formação de Leiria, em termos colectivos e individuais. No inicio da segunda parte manteve-se esse domínio, mas Leira a chegar ao empate. Esse golo catapultou o conjunto leiriense para uma parte final muito interessante, e onde dominou, mas contra a corrente de jogo foi Coimbra a marcar e a fazer o 3-2. Últimos minutos de assédio leiriense à baliza da Selecção de Coimbra, mas o resultado já não se alteraria até ao apito final.
Triunfo que acaba por se aceitar, em particular pela excelente primeira metade que a formação de Coimbra realizou.


Sub-13
AP Ribatejo – AP Coimbra 2-4 TM09253

Antes das partidas da tarde que atribuíam o 3.º/4.º lugar assim como a final dos Sub-15, realizou uma partida entre as selecções de Sub-13 do Ribatejo e Coimbra.
Com os responsáveis pelo hóquei associativo a trabalharem com vista à selecções futuras, os seleccionadores distritais destas duas associações aproveitaram para observar melhor os jovens que vão, semana a semana, nos seus clubes dando nas vistas.
Jogo interessante de se seguir, e onde os jovens chamados à liça deram o seu melhor em busca de um lugar num futuro próximo.
Jogo equilibrado, até com ligeiro ascendente do Ribatejo, com um hóquei mais fluído, mas foi Coimbra a chegar ao intervalo a vencer por 2-0. Muitas oportunidades criadas e desperdiçadas pelo seleccionado ribatejano, foram fatais para o resultado que se registava ao intervalo, com Coimbra a apresentar um hóquei mais incisivo e a aproveitar bem as benesses do seleccionado do Ribatejo.
Segunda parte a mostrar sensivelmente as mesmas incidências, em muitas fases repartido, com o Ribatejo a criar mais uma vez boas oportunidades para faturar, mas a falhar na hora da verdade, perante um Coimbra, sempre atento e a não perdoar nos momentos certos.
Valeu acima de tudo para os treinadores testarem e conhecerem melhor os jogadores chamados, com estes a deixarem boas expectativas para as selecções futuras.

Fotos- António Antunes- TM FOTOS

workshops para rodapé Noticias PenteadosdeNoiva