a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Leonardo Tomba de ...

quarta , Jan. 23 2019
1

Sergi Miras com proposta ...

quarta , Jan. 23 2019
287

Eduard Lamas é alvo do ...

quarta , Jan. 23 2019
162

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
56258

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
24191

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
19364

Resumo Liga Europeia ...

terça , Fev. 20 2018
481

Pedro Nifo contundente ...

segunda , Fev. 20 2017
1858

Clinic de Hóquei em ...

segunda , Mar. 21 2016
800

Plurisports Barbeiro Pluriform

0000TonGrauFCP

O Defesa/médio Ton Baliu e o guarda-redes Carles Grau, ambos espanhóis foram hoje oficializamos como reforços do FC Porto para a próxima temporada.

«Os hoquistas internacionais espanhóis Ton Baliu e Carles Grau vão ser reforços para a equipa do FC Porto Fidelidade para a época de 2016/2017, tendo ambos assinado um vínculo válido para as próximas duas temporadas.
Aos 27 anos, o defesa/médio Ton Baliu, de 1,71 metros de altura e 71,5 quilogramas, chega aos Dragões após uma carreira totalmente dedicada ao Igualada, clube que na época passada terminou no oitavo posto da principal divisão espanhola. Para trás fica mais de uma década ao serviço do clube catalão, que diz ver como a sua “casa”, mas a vontade de jogar por um grande clube da europa acabou por falar mais alto.
“A partir do momento que recebi a chamada não demorei muito a aceitar. Falei com o Guillem Cabestany e rapidamente nos colocámos de acordo. É um orgulho receber uma proposta de um clube tão grande. Falei com a minha companheira e com os meus pais e acabou por ser uma decisão natural. Foi difícil deixar uma casa que considerava minha, mas eles entenderam a minha decisão. Agora é trabalhar para dar alegrias aos adeptos portistas porque quando um clube tão grande como o Porto te dá uma oportunidade e confia em ti é de aproveitar”, afirmou o médio em declarações ao Porto Canal e www.fcporto.pt.
Como principais características Baliu destaca a capacidade defensiva e a velocidade, que lhe permite lançar contra-ataques eficazes. Para já, a vontade assumida é de “trabalhar para merecer a confiança do técnico” Guillem Cabestany, com o qual nunca trabalhou, mas diz conhecer muito bem, não duvidando em considera-lo um dos melhores da europa.
Um ano mais novo (26), mas com um curriculum um pouco mais rico, chega ao Dragão Caixa o guardião Carles Grau. Catalão, tal como Baliu, venceu ao serviço do VIC uma Taça do Rei e ao serviço da seleção espanhola um Mundial, duas Taças Latinas, dois mundiais em juniores e um europeu como juvenil, mas a vontade é a de “trabalhar muito para continuar a somar títulos” numa das grandes equipas europeias da modalidade.
“O FC Porto entrou em contacto comigo e desde esse momento fiquei com muitas expectativas de poder representar um dos melhores clubes da europa. Gostei muito das ideias que me transmitiram e do projeto da equipa e por isso não demorei muito a aceitar a oferta deste grande clube. É um orgulho”, garantiu.
O guardião, de 1,89 metros e 84 quilogramas, elogiou o técnico Guillem Cabestany e lembrou o ano muito positivo em que coincidiu com o agora treinador do Dragões no Vendrell, naquele que foi o seu primeiro ano na liga espanhola e cujos bons resultados lhe permitiram mudar-se para o VIC.
“Ajudou-me muito, as coisas correram muito bem. É um grande treinador e creio que o está a demonstrar em Portugal, pois logo na primeira época conseguiu um título”, disse.»

Foto|fonte: FC Porto

workshops para rodapé Noticias AutoEpilação