a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

CNF- Centro- Sanjoanense ...

terça , Out. 27 2020
56

Resumo HC Turquel- ...

terça , Out. 27 2020
89

CNF-Norte- CA Feira ...

terça , Out. 27 2020
89

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
59551

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
27431

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
21839

"Valença HC vence e ...

segunda , Abr. 23 2018
670

Nuno Lopes deixa ...

segunda , Mar. 09 2015
2160

Resumo Liga Europeia ...

domingo , Jan. 17 2016
1284

Pluriform PP1

cabestany fcp

A nona jornada do campeonato nacional de hóquei em patins reserva ao FC Porto Fidelidade o primeiro clássico da temporada, no domingo (18h00, Sporting TV e TVI24), frente ao Sporting. Com oito vitórias nas oito jornadas já disputadas, os Dragões entram no Pavilhão do Complexo Desportivo de Alverca com três pontos de vantagem sobre os leões, vantagem que o técnico Guillem Cabestany não considera que possa influenciar as equipas no decorrer desta partida.
Para um jogo em que espera “um bom espetáculo entre duas equipas que gostam de jogar ao ataque”, o catalão afirma que o grupo chega confiante e “globalmente contente” com os resultados conseguidos até agora e deixou claro que só uma equipa a jogar sem complexos e sem medos será capaz de conquistar os três pontos.
Espero um jogo muito difícil, mas também um grande espetáculo entre duas equipas que gostam de jogar ao ataque. Estamos a começar a preparação para este jogo, mas o que vamos pedir aos jogadores é o que pedimos sempre em jogos de elevada dificuldade: que entrem com a máxima confiança, com o máximo nível, sem complexos e sem medos de defrontar os adversários mais difíceis.”
O Sporting é uma equipa feita a pensar nos títulos. Melhoraram muito este ano e por isso temos que estar muito atentos à qualidade dos seus jogadores, pois é uma equipa que tem muitos de grande nível.”
Chegamos a este jogo contentes com o trabalho que fizemos até agora. Somámos vitórias no campeonato e na Supertaça, talvez na Liga dos Campeões as exibições não tenham sido tão boas, mas no global estamos contentes. Melhoramos como grupo de trabalho, mas queremos mais porque este grupo tem ainda muito potencial para explorar. Acima de tudo, chegamos confiantes e com muita vontade de jogar este grande jogo.”
Lembramo-nos muito bem da final da Elite Cup, embora não seja um torneio oficial. Deixou-nos um gosto amargo em ver que o Sporting se calhar teve naquele momento um pouco mais de ambição...espero que neste domingo isso não se repita.
O Sporting perdeu em Barcelos, mas é uma derrota compreensível. Todos sabemos da dificuldade que é jogar lá. Talvez essa derrota os pressione mais, mas nós também vamos com pressão, porque este ano sabemos que há uma grande competitividade no campeonato e três pontos a mais ou a menos podem ser decisivos.


Fonte / Foto – www.fcporto.pt

workshops para rodapé Noticias DepilaçãoaLinha