a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Marinhense soma terceiro ...

domingo , Dez. 05 2021
12

Paulo Pereira- “Nunca vi ...

domingo , Dez. 05 2021
19

No Dérbi do Minho o ...

domingo , Dez. 05 2021
13

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
61504

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
29994

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
24269

FPP- Nomeações de 20 a ...

sexta , Nov. 19 2021
92

André Eduardo está de ...

quarta , Nov. 18 2015
2096

3.ª D- Santa Cita goleia ...

terça , Jan. 30 2018
1250

5 Barbeiro Completo

Terronia

CamaraEDVJuvViana

«O presidente da Câmara de Viana do Castelo garantiu, hoje, que o vereador com o pelouro do Desporto está “atento e a mediar as dificuldades de diálogo” entre a Juventude de Viana e a Escola Desportiva de Viana (EDV). Em causa estará a continuidade dos processos formativos desenvolvidos pela EDV no hóquei em patins, nos esclações júnior e senior da Juventude de Viana, clube que milita na primeira divisão nacional daquela modalidade.

As dificuldades de relacionamento dos dois clubes da cidade foram levantadas pelo vereador do PSD, Eduardo Teixeira, durante o período antes da ordem do dia da reunião camarária.

O líder da bancada social-democrata manifestou-se preocupado com falta de entendimento entre as duas coletividades no sentido de dar continuidade à formação de jovens na modalidade de hóquei em patins.

Eduardo Teixeira lamentou que, “nos últimos dois anos, 13 jovens formados na EDV, foram jogar para clubes de concelhos vizinhos com a categoria de séniores, por não terem colocação na Juventude de Viana”.

O vereador do PSD sublinhou que “a Câmara Municipal apoia financeiramente a formação naquela modalidade desportiva e defendeu que o municipio deve exercer a sua influência, sentando os dois clubes à mesma mesa, para que seja encontrado um entendimento entre ambos”.

Questionado pelos jornalistas, o autarca socialista manifestou-se confiante na resolução dos problemas existentes ao nivel do processo formativo.

“Estou certo que vamos chegar a um entendimento porque também é essa a vontade dos dois clubes. É um trabalho de aproximação. Estas coisas fazem-se aos poucos e o engenheiro Vítor Lemos tem demonstrado uma grande capacidade de diálogo e, acima de tudo, uma grande paciência para resolver problemas difíceis”, frisou José Maria Costa.»

Foto|fonte: Rádio Alto Minho

workshops para rodapé Noticias EscovaProgressiva