a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Liga Europeia - ...

sexta , Out. 19 2018
13

Paulo Freitas- “Estamos ...

sexta , Out. 19 2018
11

2D Norte - Derbi minhoto ...

sexta , Out. 19 2018
8

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
55814

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
23746

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
19052

"União Desportiva ...

terça , Out. 17 2017
412

ADB Campo já começou a ...

quinta , Set. 01 2016
1058

2.ª D- Pedro Gonçalves ...

quinta , Out. 13 2016
1012

MB 20171112 1Um grande jogo disputado entre o HC Fão e o Famalicense dirigido por uma péssima arbitragem que quase estragou o espetaculo proporcionado por ambos os clubes.
As razões de queixa do trabalho fraco desenvolvido pelos árbitros é comum aos dois emblemas minhotos no final do encontro.

Começou a construir o resultado o HC Fão já com o contributo de Diogo Sá que esteve castigado durante quatro jogos, por Diogo Machado aos 6'.
No minuto seguinte Tiago Pimenta fez o empate, para aos 14' João Marques dar a volta na transformação de um livre direto por azul mostrado a André Barbosa.
Ainda na primeira parte as duas equipas podiam ter marcado mas Diogo Sá aos 17' falhou uma grande penalidade e aos 24' João Marques não concluiu com existo um livre direto pela 10ª falta da equipa de Fão.
A segunda parte foi muito disputada com o HC Fão a correr atrás do resultado, tendo chegado ao empate aos 11' por André Barbosa.
Aos 14' em contra ataque os fangueiros deram nova reviravolta no marcador por intermédio de Diogo Sá.
O HC Fão podia ter aumentado mas Diogo Machado primeiro falhou um livre direto aos 17' pela 10ª falta do Famalicense e aos 18' Diogo Sá igual lance por azul a Tiago Pimenta.
Quem não aproveita arrisca-se a sofrer com Serafim Silva aos 23' a concluir uma grande penalidade fazendo o empate.
No ultimo minuto o triunfo podia ter sido do Famalicense mas César Carvalho desperdiçou um livre direto pela 15ª falta do HC Fâo.
Um empate que não agradou a nenhuma das equipas que jogaram bastante condicionadas pelo trabalho da dupla José LaSalette e José Mendes de Aveiro.

Foto: Jorge Ferreira