a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Protocolo do Sistema de ...

quinta , Ago. 11 2022
49

Calendário da Elite Cup ...

quinta , Ago. 11 2022
74

WSE Continental Cup será ...

quarta , Ago. 10 2022
58

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
62215

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
31083

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
25225

Agenda e Nomeações ...

quarta , Nov. 01 2017
1520

Nuno Lopes: "Talvez ...

segunda , maio 02 2016
1445

Pedro Mendes e Duarte ...

sexta , Ago. 09 2019
2060

Curso Unhas de Gel Profissional 25h ed

IMG 9844

Na visita ao aflito Infante Sagres ( sem Candeias castigado ), a equipa do OC Barcelos mesmo sem o contributo de Hugo Costa ( suspenso ) derrotou a turma da casa por 8-2 com destaque para o " poker " de Marinho.
Para quem precisava de somar pontos para continuar a lutar pela manutenção, o Infante Sagres fez muito pouco enquanto que o OC Barcelos que pretende ainda atingir o sexto lugar fez o essencial para somar os três pontos.
O primeiro golo apareceu logo aos 8' por Marinho que viu no minuto seguinte Rúben Sousa elevar para 2-0.
A equipa do Barcelos podia ter feito o terceiro mas Rúben Sousa desperdiçou uma grande penalidade.
O Infante Sagres aproveitou um certo relaxamento dos minhotos e aos 17' por Bernardo Marques.
Ainda na primeira parte o OC Barcelos podia ter aproveitado a superioridade numérica depois de Joka Ferreira guarda redes do Infante ter visto o cartão azul.
No segundo tempo a equipa do Minho continuou a dominar o jogo e aos 4' chegou ao 3-1 num remate de meia distancia de Rúben Sousa.
Volvidos dois minutos o avolumar do marcador para o OC Barcelos por Marinho.
Sem tirar o pé do " ataque ", a equipa minhota obteve o 5-1 por Juan Lopez e o 6-1 por Marinho.
Perante o resultado, o treinador do OC Barcelos premiou o guarda redes André Almeida que assim fez a sua estreia no nacional e deu alguns minutos ao junior Pedro Silva
Nos últimos minutos Marinho apontou o 7-1, Bruno Fernandes o 7-2 e Zé Pedro o 8-2.