a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

3.ª D- J. Ouriense mais ...

terça , Nov. 20 2018
29

Nomeações de 24 a 30 de ...

terça , Nov. 20 2018
247

AD Valongo B aplica ...

terça , Nov. 20 2018
75

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
55966

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
23891

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
19149

3.ª Sul- Murches vence à ...

domingo , Abr. 03 2016
875

Angola: Académica de ...

segunda , Jun. 25 2018
134

Comissão Administrativa ...

sábado , Jul. 14 2018
178

Plurisports Barbeiro Pluriform

40773103 2116465685283163 1342722354299535360 o

Depois de um ano no “melhor campeonato do mundo”, o HCP Grândola está de regresso à 2ª Divisão e estreou-se no “Zeca Afonso” com a receção ao HC PDL que vinha de uma subida de divisão e que tinha uma dupla de ataque fortíssima. Jogo perigoso por ser o primeiro, onde existe sempre alguma ansiedade adicional, mas encarado com muita seriedade pelo Grândola, por isso o saldo foi extremamente positivo com uma vitória por 6-1.
Quanto ao jogo, o PDL apresentou-se com apenas 7 jogadores e, sem surpresas, adotou uma postura muito defensiva, num ritmo extremamente baixo, tentava ter a bola o máximo de tempo possível e só atacavam a baliza de Piteira pela certa e apenas em ações de Carlos Guimarães e Bruno Botelho.
O HCPG tentava “desmanchar” a defensiva açoriana mas também não impunha uma velocidade muito elevada no jogo, o que serviu para manter o PDL em jogo durante muito mais tempo. Mas foi com naturalidade que o HCPG chegou ao 1-0 por intermédio de José “Zezinho” Gonçalves aos 7 minutos de jogo.
O PDL mantinha a mesma estratégia e o HCPG ia criando algumas oportunidades de golo. Estava um jogo perigoso para Piteira, pois pouco era posto à prova, também porque a sua defensiva anulou por completo Guimarães e Bruno Botelho.
Aos 15 minutos é José “Tanaka” Bernardo quem marca fazendo o 2-0 numa recarga oportuna.
Até final da 1ª parte, além de umas quantas oportunidades desperdiçadas pelo HCPG, mais nada se alterou.
A 2ª parte começa praticamente com Tiago Botelho do PDL a ver cartão azul e Zezinho chamado ao livre-direto não consegue bater Ruben Moniz guardião do PDL.
No power-play o HCPG não trabalhou muito bem a sua superioridade e ainda teve uma desatenção grave com Guimarães a surgir isolado para Piteira que teve de se aplicar para defender e na recuperação de bola Tanaka com uma boa finalização aumenta para 3-0 aos 5 minutos.
Aos 7 minutos Zezinho redime-se e bisa no jogo fazendo o 4-0 numa finalização simples.
O HCPG dominava por completo o jogo e o PDL começava a quebrar física e emocionalmente. Prova disso é o cartão azul a Bruno Botelho aos 12 minutos por contestar uma decisão da equipa de arbitragem.
No mesmo minuto Tanaka marca o seu 3º golo no jogo num penalty muito bem marcado fazendo o 5-0.
Logo de seguida Tiago Botelho vê cartão azul pela segunda advertência e Piteira é substituído pelo Tiago Pereira na baliza.
Aos 18 minutos o HCPG atinge a sua 10ª falta e Bruno Botelho no livre-direto reduz para 5-1.
Até final assistiu-se a um jogo de um sentido com o HCPG a tentar mais golos e o PDL a defender como podia e a abdicar quase na totalidade de ir à baliza de Tiago.
Tempo ainda para Zezinho completar o seu hat-trick ao fazer o 6-1 já nos últimos segundos do jogo.
Bom começo de temporada para o HCPG que se estreia no seu “Zeca Afonso” com uma boa vitória, com destaque para os 3 golos cada para Zezinho e Tanaka e para o excelente trabalho defensivo ao anular por completo as duas unidades mais perigosas do PDL. Foi com um “Zeca Afonso” muito bem composto que se assistiu a este jogo, e que se assistiu à bonita cerimónia de apresentação de todas as equipas do HCPG, bem como, respetivos treinadores, staff e direção.

Fonte- HCP Grândola/ Ricardo Piteira