a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

João “Joka” Alves vai ...

terça , Dez. 18 2018
406

IID Norte - Valença HC a ...

terça , Dez. 18 2018
26

AP Aveiro- Campeonatos ...

terça , Dez. 18 2018
44

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
56083

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
23987

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
19242

Riba d'Ave punido com ...

quinta , Out. 02 2014
2361

Luís “Tikinho” Moreira é ...

terça , Fev. 10 2015
1894

AP Ribatejo abre Curso ...

quinta , Dez. 15 2016
606

Plurisports Barbeiro Pluriform

jordi goooloooo 773x380

Uma exibição de gala da Oliveirense, vergou o todo poderoso Barcelona por 4-2, num “Dr. Salvador Machado” com cerca de 1300 pessoas a apoiar a formação de Renato Garrido.
A equipa da casa ía sofrendo o 1-0 mas a bola foi ao poste. Por isso, pode dizer-se que a Oliveirense começou o jogo como queria, ou seja, marcou um golo madrugador. Aos 2 minutos Jordi Bargalló contornou a baliza e surpreendeu o guarda-redes Sergio Fernandez com um remate rasteiro. A equipa estava bem e esteve muito perto de chegar ao segundo golo quando Marc Torra assistiu Jorge Silva mas o poste foi catalão.
Jogo veloz e e rigoroso por parte das duas equipas com destaque para a organização defensiva da União. Mas, o poderoso FC Barcelona acabou por chegar à igualdade através de uma jogada individual de Alabart, que rematou forte à entrada da área.
Os catalães viriam a dispor de uma grande penalidade executada por Panadero. Xavier Puigbi defendeu com toda a determinação. Aos 21 minutos, a Oliveirense passou novamente para a frente do marcador, com Xavier Barroso a ter espaço para rematar e a aproveitar para de meia distância, surpreender o guarda-redes adversário. Grande golo do espanhol à antiga equipa.
Na segunda parte, o FC Barcelona entrou mais forte e João Rodrigues foi eficaz na cara do golo e restabeleceu o empate num remate de dificil execução. A resposta da Oliveirense foi imediata e, no minuto seguinte, passou para a frente do resultado com o golo de Jordi Bargalló. Segundo golo da tarde para o espanhol.
Xavier Barroso, acertou nos dois postes, aos 34 minutos. Foi um aviso para o que havia de acontecer porque num lance de contra-ataque, deu uma vantagem de dois golos à Oliveirense. Bis do Barroso, numa tarde para recordar e o marcador a passar a 4-2.
A Oliveirense só não ampliou a vantagem porque Sérgio Fernandéz opôs-se com eficácia aos remates de Marc Torra, Ricardo Barreiros, Bargalló e Jorge Silva.
O Barcelona já não sabia o que era perder na Europa há mais de um ano. Agora, Oliveirense e Barcelona lideram o grupo com 6 pontos.

Fonte/Foto- UD Oliveirense