a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Hélder Nunes- “O ...

terça , maio 21 2019
56

Jordi Adroher- “encarar ...

terça , maio 21 2019
70

Joca Ferreira regressa ...

terça , maio 21 2019
434

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
56707

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
24658

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
19697

AE Física D dá o pontapé ...

segunda , Ago. 24 2015
1166

Gonçalo Suissas deixa HC ...

segunda , Jun. 11 2018
1088

Resumo 4ª Jor. Camp. ...

terça , Mar. 14 2017
762

interiores

imgS620I222583T20180602182139

Após a vitória por 10-2 sobre o SK Germania Herringen para a Liga Europeia, Paulo Freitas fez a análise à partida e à utilização de João Pereira, Facundo Navarro e Tiago Freitas.
"Uma segunda parte bem diferente. Corrigimos ao intervalo o que não fizemos bem na primeira parte, em que fomos uma equipa previsível. Houve a aposta na formação: temos a responsabilidade de passar os valores de rigor, seriedade e ambição aos três miúdos que estiveram connosco para eles perceberem que para chegar a este nível têm de ter estas competências", começou por dizer o técnico ao Jornal Sporting.
"Quanto à Liga Europeia, estamos satisfeitos por termos atingido os objectivos intermédios a que nos tínhamos proposto. Conseguimos o apuramento sem qualquer desaire num grupo complicado, aliás, na minha opinião, o mais difícil da Liga Europeia. Estamos nos quartos-de-final e temos a ambição de passar à final four", acrescentou.
Voltando aos três jogadores da formação que foram aposta nesta partida, Paulo Freitas não negou a satisfação de ter colocado os jovens em pista. "Estamos satisfeitos por termos dado a oportunidade a estes três meninos, que estão aqui porque merecem e trabalham diariamente. São uma aposta nossa para o futuro", assegurou.

Fonte- Sporting CP