a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Inês Florêncio promovida ...

sexta , Ago. 14 2020
21

US Coutras assume uma ...

sexta , Ago. 14 2020
49

Lleida CE oficializa Di ...

sexta , Ago. 14 2020
77

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
59209

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
27057

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
21510

Raquel Rodrigues reforça ...

sábado , Jan. 09 2016
2076

2.ª D- Sul- “Jomi” com ...

domingo , Jan. 31 2016
1040

Joka Ferreira: ...

quinta , Out. 27 2016
1183

pluri unhas J

69653800 850828005349129 995074683315421184 n

O Alenquer recebeu e venceu o HC Sintra por 6-1 e mantem-se na mira dos lugares de acesso à subida de divisão.
O Sintra surpreendeu o Alenquer nos primeiros minutos conseguindo mesmo inaugurar o marcador aos 2 minutos por Tomás Silva. Esse tento da formação de Rui Mateus foi um tónico para uma boa exibição do Sintra no primeiro tempo onde conseguiu de forma quase eficiente controlar as ações ofensivas da equipa de Diogo Ganchas, na forma como defendeu e aproveitou os espaços que a defesa do Alenquer proporcionava criando em algumas situações muito perigo para a baliza de Machial.
O Alenquer chegou ao empate aos 21 minutos por “Marinho” com as equipas a recolherem para o merecido descanso em igualdade no marcador.
A segunda metade trouxe uma história diferente. O Alenquer entrou disposto a mudar o rumo dos acontecimentos e no espaço de 2 minutos (entre os 6 e os 8) chegou ao 4-1 com um “bis” de Francisco Contins e um tento de “Marinho”.
A vencer de forma folgada e a justificar no momento essa vantagem o Alenquer não só passou a controlar o jogo como passou também a ser muito mais perigoso nas suas iniciativas atacantes perante um Sintra a mostrar debilidades na sua defesa.
Depois de “Marinho” ter desperdiçado um LD após um Azul mostrado a Nuno Sousa, o mesmo jogador aos 16 minutos assinou o seu “hat trick” e em simultâneo fez o 5-1, que Pedro Lourenço aos 22 minutos desfez ao apontar o 6-1, que acabaria por selar o resultado final deste encontro.
Vitória sem espinhas da formação da Vila Presépio num jogo onde começou melhor o conjunto forasteiro mas com o decorrer do jogo, as mais valias da equipa da casa a fazerem mossa num Sintra abnegado mas sem soluções para manter a mesma toada de jogo.
Após esta jornada o S Alenquer B sobe ao 3.º lugar da tabela classificativa, com 12 pontos e na próxima ronda visita o reduto da AD Oeiras num jogo entre dois “galos” na uta pelo mesmo poleiro.
Quanto ao HC Sintra com este desaire desceu ao 11.º posto, ultrapassado pelo Murches e Grândola mantendo os seis pontos com que chegou a Alenquer e na próxima jornada volta a jogar fora de portas já que defrontará o CA Campo Ourique no recinto destes.

Foto- Nuno de Sousa

Segunda Feira