a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

É cada vez mais certo o ...

terça , Mar. 31 2020
6

FPP e Instituto ...

terça , Mar. 31 2020
45

“É o momento para voltar ...

terça , Mar. 31 2020
166

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
58448

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
26333

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
20961

Pedro Henriques- ...

quarta , Out. 31 2018
594

Sub15 do Académico do ...

domingo , Jul. 02 2017
1783

CN S15 Norte: AD Valongo ...

domingo , maio 24 2015
1088

interiorespluri unhas J

84410272 1823354361128029 9024856981986344960 n

O Marinhense perdeu este sábado em Vale de Cambra frente ao HA Cambra por 2-1 e perdeu em simultâneo a liderança do campeonato da 2.ª divisão Norte para o Famalicense.
Partida pautada pelo equilíbrio com as defesas a superiorizarem-se aos ataques contrários, num jogo onde faltou audácia de parte a parte.
Gonçalo Domingues à passagem dos 9 minutos inaugurou o marcador colocando os vidreiros em vantagem mas que durou apenas um minuto já que Miguel Oliveira empataria a contenda.
O SC Marinhense teve oportunidade de poder colocar-se novamente em vantagem, mas “Nico” Carmona não conseguiu dar o melhor seguimento à GP que a sua equipa dispôs, com o empate a uma bola a manter-se até ao intervalo.
Uma segunda parte tranquila com as duas equipas a não arriscarem esperando sempre por um erro alheio, que acabaria por chegar aos 19 minutos, quando Miguel Oliveira colocou o Cambra em vantagem.
Últimos minutos com o Marinhense a subir as linhas, à procura do empate e a expor-se, o que permitiu à formação de Fernando Almeida várias situações de muito apuro à baliza defendida por Marco Gaspar, que foi anulando as jogadas de maior perigo do Cambra, e dando assim alento ao seu grupo para poder chegar ao empate, que num entanto nunca chegaria.
Um triunfo que acaba por se aceitar, de um Cambra mais ambicioso, em particular no seguindo período frente a um Marinhense que esteve abaixo do seu habitual e pagou caro por isso.
Após 15 jornadas a liderar a prova a equipa de Nuno Domingues cedeu o comando para o Famalicense, que curiosamente visita o Pavilhão da Embra no próximo sábado naquele que é o jogo mais importante da jornada 17 desta zona norte da 2.ª divisão. O Cambra que após esta ronda ocupa a 4.ª posição com 28 pontos, desloca-se ao recinto do C Infante de Sagres, equipa que luta para fugir aos lugares de despromoção.

Foto- Miguel Rodrigues

2Segunda