a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Desporto pára quase todo ...

quinta , Out. 29 2020
437

Taça 1947, vai ser na ...

quinta , Out. 29 2020
104

Resumo UD Oliveirense- ...

quarta , Out. 28 2020
76

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
59559

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
27442

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
21848

Campeonato Regional da ...

terça , Set. 27 2016
1151

Bruno Serôdio: “Vai ser ...

quarta , Fev. 03 2016
1289

Taça de Aveiro/Coimbra ...

segunda , maio 08 2017
857

Pluriform PP1

scmfac

O SC Marinhense deu este sábado um passo enorma para ocupar um dos lugares de acesso à 1.ª divisão, ao bater na Embra o Famalicense por 6-4.
Jogo de grande importância para os dois emblemas. Se para o Marinhense um triunfo era importante para consolidar a liderança do grupo, para o Famalicense revestia-se de importância maior, já que uma derrota deixava-a mais longe dos lugares de subida.
Duas formações que perceberam cedo o respeito uma pela outra e se apresentaram com muitas cautelas defensivas, tentando jogar no erro adversário, e numa aposta de contra ataque.
Com as equipas encaixadas foi o Marinhense a mostrar maior apetência pelo risco, assumindo em alguns momentos o jogo, mas a nunca deixar a sua zona defensiva desprotegida. O equilíbrio foi quase sempre a nota dominante no jogo, acabando por ser na maior eficácia na hora da verdade que o jogo se decidiria.
E foi assim que o Marinhense chegaria ao 2-0 com golos de “Nico” Carmona e Luís Silva. Pedro Mendes reduziu para 2-1,mas ainda antes do intervalo foi novamente a equipa da casa a aumentar para 3-1 por intermédio de Korosec.
Logo ao início da etapa complementar os vidreiros aumentaram a vantagem com um golo de Luís Silva colocando o placard em 4-1.
Altura de o Famalicense subir e arriscar o que acabou por render frutos, reduzindo nos minutos seguintes para 4-3, com golos de Pedro Mendes e Pedro Silva.
Com o jogo a correr para o final a incerteza no resultado era evidente e é o Marinhense que desbloqueia ao fazer o 5-3 por Korosec.
À entrada do ultimo minuto Luís Silva voltava a fazer o gosto ao stick, colocando o placard em 6-3, e praticamente selando aí o triunfo do Marinhense. Pedro Mendes reduziu já nos segundos finais, para 6-4, mas o triunfo já não fugiu aos vidreiros.
Com esta vitória a equipa de Nuno Dominguez mantem a liderança a para do SC Tomar, ambas com 7 pontos, com o Famalicense a ocupar a 5.ªposição com 3 ponbtos.
Na próxima jornada o Marinhense desloca-se a Almeirim onde defrontará o HC “Os Tigres” cm o Famalicense a deslocar-se até Tomar para defrontar os leões locais.

2 formandum