a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

“Hat-trick” de Romero ...

terça , Dez. 01 2020
92

Dragões bateram o HC ...

terça , Dez. 01 2020
32

AD Valongo volta aos ...

terça , Dez. 01 2020
37

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
59657

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
27594

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
21981

Taça Portugal- David ...

sexta , Abr. 10 2015
1467

TP- HC PDL segue em ...

quarta , Jan. 09 2019
534

Sorteio da Taça de ...

segunda , Out. 07 2019
901

calendario Pluriform 4

121351007 1763804533796987 4614796857847182543 o

Capitão do hóquei azul e branco antevê a deslocação a Barcelos (domingo, 15h00)
Depois de praticamente duas semanas sem competição – graças ao adiamento da receção ao Hóquei de Braga, motivada pela testagem positiva de elementos do plantel bracarense – o hóquei em patins do FC Porto regressa à ação. Este domingo, a partir das 15 horas (A Bola TV), os campeões em título visitam a casa do Óquei de Barcelos em encontro relativo à quinta jornada do nacional. Frente a uma formação que ocupa o primeiro posto da tabela classificativa, com o melhor ataque e a melhor defesa da prova, Reinaldo García espera um adversário “complicado”, “confiante” e “muito forte em casa”. Em suma, e na ótica do capitão portista, o Barcelos é uma equipa “aguerrida, que defende de forma intensa e cuja melhor arma talvez seja o contra-ataque”.

Muito atentos numa pista complicada
Para nós jogar em Barcelos sempre foi complicado. E não só para nós. Todas as equipas que lá vão têm muitas dificuldades e este ano continua igual. Eles estão em primeiro, estão a jogar bem, estão confiantes e são muito fortes em casa. Por isso vamos encontrar uma equipa aguerrida, que defende de forma intensa e cuja melhor arma talvez seja o contra-ataque. Temos de estar muito atentos a isso.”

Jogo a jogo porque o campeonato é longo
“Ainda falta muito, estamos no início. Quando perdemos o primeiro jogo talvez nós, e o resto das pessoas, pensássemos que o FC Porto estivesse outra vez a perder logo no início mas, mesmo que não tivéssemos ganho e jogado o último jogo que foi adiado, estaríamos a um ponto do primeiro classificado, isso não queria dizer nada. Porque é um campeonato muito longo, muito competitivo e onde pode acontecer muita coisa. Agora só pensamos em nós, sinceramente, em melhorar e trabalhar para somar três pontos de cada vez, que é o que nos interessa.”

Fonte/Foto- FC Porto

Pluriform Manicure e Pedicure