a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

SL Benfica de volta aos ...

sábado , Jan. 16 2021
71

Riba D´Ave vence em ...

sábado , Jan. 16 2021
65

Valongo cede empate ...

sábado , Jan. 16 2021
56

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
59902

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
27831

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
22191

2.ª D- Sul- Leões ...

domingo , Fev. 28 2016
1600

Oeiras surpreendido pela ...

segunda , Out. 20 2014
2794

Juventude Viana atropela ...

domingo , Jan. 05 2020
528

janeiro Pluriform 2

126304529 1557726144419030 8727667690618896970 o

Foi preciso apelar ao seu melhor para a formação da Oliveirense vencer o HC Turquel por 7-5, num jogo onde a equipa de Paulo Pereira foi para o intervalo a perder por 1-3.
O regresso de Jordi Bargalló minimizou as ausências de Vítor Hugo e Ferruccio, num jogo onde Jorge Silva e Marc Torra foram decisivos na reviravolta do marcador, tendo cada um deles, assinado “hat-trick” neste encontro.
Foi com alguma surpresa, para quem assistia ao jogo, ver o Turquel chegar ao 0-3 com golos de André Pimenta, Tomás Moreira e André Moreira, tendo Pedro Moreira reduzido a dois minutos do intervalo. A eficácia dos “Brutus dos Queixos” foi cruel para o conjunto de Paulo Pereira que foi para o descanso com um resultado negativo, algo que certamente não passaria na cabeça do mais pessimista da equipa da casa.
E quando Tomás Moreira elevou para 1-4 ficou a ideia de uma surpresa no “Dr. Salvador Machado”. Valeu então a experiência de Jorge Silva que no espaço de um minuto empatou a partida. Aos 9 minutos fez o 2-4 e no minuto seguinte bisou colocando o empate a 4 bolas no placard.
Tudo em aberto, com a equipa da Oliveirense a aproveitar o momento menos bom do Turquel para confirmar a “remontada” nos minutos seguintes com Marc Torra a bisar e a colocar o score em 6-4.
O Turquel reduziu ao minuto 15 por Vasco Luís, mas a equipa da Oliveirense soube gerir a magra vantagem perante um Turquel a apostar tudo no empate, com o Pr. João Simões a prescindir do seu guardião já no decorrer do ultimo minuto para poder fazer o empate. Mas o CA mostrado a Tiago Rafael a cerca de 30 segundos do términus do jogo acabou com o sonho do Turquel já que Marc Torra na conversão do LD aumentou para 7-5, selando aí a história deste jogo.
Triunfo suado da Oliveirense frente a um Turquel que em alguns momentos da partida superiorizou-se e por pouco poderia ter conseguido uma das grandes surpresas desta jornada. Valeu a maturidade e experiência de Jorge Silva e Marc Torra que nos momentos chave do jogo acabaram por pender a balança para o lado da UDO.

Foto- UD Oliveirense

Tecnico de Massagem