a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Resumo SC Tomar- OC ...

segunda , Mar. 08 2021
47

CNF- “póquer” de Marlene ...

segunda , Mar. 08 2021
42

1.ª D-Resumo do SL ...

segunda , Mar. 08 2021
58

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
60043

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
27985

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
22347

OC Barcelos propõem ...

quarta , Fev. 10 2021
193

Esclarecimento FPP sobre ...

sexta , Set. 23 2016
1797

Marcelo Ribeiro e José ...

terça , Jun. 12 2018
801

2 Barbeiro Março

nicolia new

O SL Benfica impôes este domingo a segunda derrota ao Sporting CP ao vencer no “João Rocha” por 5-4 em jgo que contou para a 16.ª jornada do Nacional da 1.ª divisão.
Num dérbi sempre aguardado entre os dois eternos rivais da 2.ª circular, foi mais feliz a equipa de Dominguez que saiu do “João Rocha” com os três pontos no bornal e aproxima-se da liderança da prova, com as quatro primeiras formações a estarem separadas por 4 pontos.

Primeiros minutos jogados a um ritmo frenético, com as duas equipas a tentarem chegar ao golo rapidamente, com os guarda-redes Girão e Pedro Henriques a negarem com belas intervenções.

Aos 9', lance de perigo, com Ordoñez a rematar à barra da baliza leonina. O golo do Benfica estava perto... segundos depois, lance de insistência das águias, confusão na grande área, a bola sobrou para Valter Neves, que stickou para o 0-1 (9').

A perderem, os verdes e brancos carregaram e tiveram algumas oportunidades, a mais clamorosa aos 13'. Livre direto, Ferran Font atirou à barra e, na recarga, Telmo Pinto também acertou nos postes da baliza de Pedro Henriques. Do outro lado da barricada, o Benfica ia atrás do segundo e, aos 18', Diogo Rafael atirou com um estrondo ao poste da baliza de Girão.

Aos 22', os encarnados fizeram o 0-2. Perda de bola de Ferran Font, Ordoñez disparou que nem uma seta para a baliza leonina e, no frente a frente com Girão, fez o que quis do guarda-redes do Sporting e rematou a contar. No minuto seguinte, Valter Neves carregou Matias Platero na área e a equipa da casa teve direito a grande penalidade, mas Pedro Henriques negou os intentos a Pedro Gil (23').

Antes do intervalo, aos 24', Matias Platero, após combinar com Ferran Font, a reduzir o marcador para 1-2.

A etapa complementar do dérbi começou como iniciara a partida: bola cá, bola lá, com as duas equipas a tentarem o golo. Nas balizas, os guarda-redes mantinham-se a bom nível. Aos 32', Ferran Font recuperou o esférico, saiu em ataque rápido e Alessandro Verona atirou para o empate (2-2).

Depois de ter feito o mais difícil, ao recuperar de 0-2 para 2-2, o Sporting volta a ficar em desvantagem. João Souto carregou Sergi Aragonès à margem das leis. No livre direto, Ordoñez bateu Girão, com um tiro forte e colocado, fazendo o 2-3 no resultado (34').

Motivados pelo golo e pela vantagem, os comandados por Alejandro Dominguez foram atrás do 2-4, que só não aconteceu porque Girão foi negando com sucessivas defesas. Do lado contrario, aos 43', Pedro Gil empatou a contenda (3-3).

Muita maturidade do Benfica em rinque. A dois minutos do apito final (48'), contra-ataque encarnado, jogada de três-para-dois dos da Luz e Diogo Rafael rematou para o 3-4. O camisola 4 foi mesmo decisivo! Jogada individual e 3-5 para as águias (49'). Bola ao centro, reinício e... golo do Sporting, por Toni Perez. Resultado final: 4-5 para o Benfica.

Com este resultado o Sporting CP desceu para o 3.º lugar mantendo os 33 pontos com o SL Benfica a ocupar o lugar seguinte mas agora com 32 pontos, num aprova liderada pelo OC Barcelos com 36 pontos e onde o FC Porto segue logo a seguir com 35.

Foto- SL Benfica (Arquivo)

6 Tecnico Massagem