a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Alejandro Domínguez – “a ...

quarta , maio 05 2021
0

SL Benfica segue para as ...

quarta , maio 05 2021
32

Áustria também abdica do ...

quarta , maio 05 2021
43

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
60207

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
28198

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
22572

FC Porto organizará a ...

quinta , Abr. 19 2018
2380

Giulio Cocco- “Pensamos ...

sexta , Nov. 13 2020
239

Taça Europeia de HP ...

sexta , Fev. 05 2016
1346

Tecnicomassagem cartaz

rgarc

Reinaldo Garcia, capitão do FC Porto, após o triunfo sobre o Noia, por 7-4, na abertura da Liga Europeia

Adversário
“Sabíamos como ia jogar o Noia, o ponto forte deles é a defesa - muito pesada -, com muito sacrifício. Através disso criaram contra-ataques em que criaram oportunidades claras”.

Análise da partida
“Sabíamos que ia ser um jogo complicado, mas é nestes momentos em que um jogo pode decidir muita coisa e foi o que encontrámos, muita dificuldade, mas o FC Porto foi uma equipa que soube gerir as situações, trabalhar e pouco a pouco fomos sentindo melhor dentro da pista, como equipa e individualmente, conseguimos dar a volta ao resultado e fizemos um jogo ao nosso gosto”.

Ânsia
“Inconscientemente, depois de tanto tempo sem jogar, sermos os primeiros a jogar na competição inevitavelmente sente-se a ânsia de jogar bem, de querer ganhar, entrar com o pé direito, mas isso faz parte. Pouco a pouco, os minutos foram passando e fomo-nos sentindo cada vez melhor”.

Fonte- Jornal “O Jogo” * Foto- António Lopes/WSE RH/Jornal “O Jogo”

6 Unhas Gel Profissional 2