271930121 343628491099068 1053054010106697802 n

Depois de duas vitórias na Taça de Portugal, que valeram a qualificação para os oitavos de final da prova, o FC Porto volta a centrar atenções no Campeonato Nacional de hóquei em patins, cuja 16.ª jornada reserva uma deslocação ao Pavilhão da Embra, na Marinha Grande, onde os Dragões defrontam o Marinhense (sábado, 15h30, FC Porto TV/Porto Canal). Na projeção do desafio, Rafa sublinhou que “todos os jogos fora são bastante complicados”, mas o coletivo portista está focado em si próprio e preparado para a motivação extra do adversário. O FC Porto é líder, com 37 pontos, mais um do que o Óquei de Barcelos, enquanto o Marinhense segue na 11.ª posição, com 11.

O Marinhense
Esperamos mais dificuldades do que aquelas que tivemos no jogo da primeira volta (15-3), no Dragão Arena. Neste campeonato, todos os jogos fora são bastante complicados, mas focamo-nos em nós e naquilo que podemos controlar no jogo. Creio que, se fizermos as coisas bem, vamos conseguir trazer os três pontos, que é o que nos interessa.

A goleada imposta na primeira volta
Acredito que para equipas como o Marinhense, que também precisam de pontos para atingir os seus objetivos, todos os jogos são motivantes, ainda mais recebendo um grande do hóquei em patins nacional. Temos que estar atentos, mas estamos preparados para essa motivação do adversário.”

Regularidade até ao fim da época
Para nós é importante ganhar todos os jogos. Se assim o fizermos, iremos acabar a primeira fase no primeiro lugar. Como é óbvio, e já temos a experiência do ano passado, sabemos que o primeiro lugar não nos dá o título, que é aquilo que queremos, por isso temos de ser regulares até ao final da época. Acabando esta fase no primeiro lugar, vamos ter a vantagem casa no Play-off, mas pensamos jogo a jogo. O nosso grande objetivo para esta época é o título nacional.”

Fonte/Foto- FC Porto

3 Cabeleireiro Inicial