a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Bernardo Ramalho reforça ...

segunda , Jul. 04 2022
58

Termas OC com 3 reforços

segunda , Jul. 04 2022
97

Francisco Beirante é ...

segunda , Jul. 04 2022
65

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
62103

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
30893

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
25046

AP Alentejo – ...

quinta , maio 18 2017
1665

"Segundo jogo-treino ...

quarta , Mar. 28 2018
1227

"Jepi Selva" é baixa no ...

quarta , Abr. 08 2015
1914

massagista inicial

eboch1

No final da partida, Edo Bosch começou por felicitar o Trissino e agradecer aos adeptos do Valongo. Na opinião do treinador «foi um grande jogo em que estivemos cerca de dez minutos à frente do marcador, a controlar o jogo, frisando que a equipa sentiu «o jogo de ontem que foi muito puxado para nós».

«Notei isso na cara dos meus jogadores e é o momento em que quis levar o jogo às grandes penalidades, porque ontem fomos felizes e acreditei que hoje também podíamos ser. Não foi assim», explicou. «Há que dar os parabéns ao Trissino e os meus jogadores devem levantar rapidamente a cabeça porque saem deste pavilhão com ela mais alta do que quando entraram».

Francisco Silva também fez questão de dar os parabéns «ao Trissino e aos nossos adeptos que foram incansáveis». «Vendo de fora acho que poderia ter ido para qualquer lado. Tenho pena que não tenha ido para o nosso lado. Sei o que os meus colegas trabalharam e o que trabalham e tenho a certeza de que vão disputar muitas mais finais deste nível, porque são pessoas com muito carácter e profissionalismo».

Fonte- FPP

cabeleireiro essencial